Polícia

Preso em Naviraí último foragido da 5ª fase da Operação Osíris

A Polícia Civil de Naviraí prendeu nesta quarta-feira (29) Danilo Lopes Paixão, mais conhecido como “Fantasmático”, e que estava foragido desde a deflagração da quinta fase da Operação “Osíris”, quando dez pessoas foram presa na última segunda-feira (20). Danilo foi preso na Rua Raimundo Alexandre após um trabalho desenvolvido pelo Núcleo Regional de Inteligência de Navirai. […]

Carlos Yukio Publicado em 29/05/2019, às 21h03 - Atualizado em 30/05/2019, às 10h35

None
Último foragido da 5ª Fase de Operação Osíris é preso em Naviraí

A Polícia Civil de Naviraí prendeu nesta quarta-feira (29) Danilo Lopes Paixão, mais conhecido como “Fantasmático”, e que estava foragido desde a deflagração da quinta fase da Operação “Osíris”, quando dez pessoas foram presa na última segunda-feira (20).

Danilo foi preso na Rua Raimundo Alexandre após um trabalho desenvolvido pelo Núcleo Regional de Inteligência de Navirai. Por meio de atividades de inteligencia, foram identificados possíveis locais onde Danilo poderia estar se refugiando.

A Polícia passou, e quando avistado e reconhecido, foi acionado o Setor de Investigações Gerais que efetuou a prisão. Até o presente momento 25 mandados de prisões de pessoas ligadas ao tribunal do crime foram expedidos nessa operação.

Durante a 5ª fase, outros dez envolvidos com o homicídio Douglas Gonçalves Rubital no dia 16 de Março de 2019 foram presos. O corpo de Douglas foi encontrado em um terreno baldio. O motivo do crime seria rixa entre facções criminosas. Douglas pertenceria a uma facção rival e teria tentado se infiltrar no PCC, o que teria sido descoberto pelos integrantes.

Nome da operação

A operação deflagrada como Osíris é uma referência da mitologia egípcia que é o Deus do julgamento e relaciona-se com a vida a essa divindade que foi atribuído o trabalho de julgar os mortos. Sendo semelhante como a facção age, julgando seus rivais e condenando-os à morte.

Jornal Midiamax