Polícia

Polícia prende 4 por tráfico, apreende R$ 10 mil em dinheiro e CNH falsa

Equipes da Polícia Militar prenderam nesta madrugada, 4 pessoas em flagrante por uso de documento falso, associação criminosa e tráfico de drogas. Conforme o boletim de ocorrência, em rondas pelo bairro Nova Lima, em Campo Grande, a PM avistou um Ford Focus e uma caminhonete Dodge Dakota, estacionados em frente a uma residência denunciada como […]

Cleber Rabelo Publicado em 11/05/2019, às 07h47 - Atualizado às 08h47

Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa - Foto: Ilustrativa

Equipes da Polícia Militar prenderam nesta madrugada, 4 pessoas em flagrante por uso de documento falso, associação criminosa e tráfico de drogas.

Conforme o boletim de ocorrência, em rondas pelo bairro Nova Lima, em Campo Grande, a PM avistou um Ford Focus e uma caminhonete Dodge Dakota, estacionados em frente a uma residência denunciada como ponto de venda de entorpecentes.

Os dois motoristas foram abordados e durante revista, os policiais solicitaram o aparelho celular de um deles. O rapaz, de 36 anos, apresentou uma CNH falsa e deu um salto para trás para quebrar o aparelho. A outra condutora, de 31 anos, moradora de Ponta Porã, informou à equipe, que naquele momento estaria acontecendo uma transação de drogas, motivo que levou o comparsa a danificar o celular. Ela contou aos policiais que o outro envolvido teria uma grande quantidade de droga estocada em casa.

A PM foi até o local e encontrou várias caixas e sacos contendo 122 tabletes de maconha e 1 paradinha de cocaína. Após a apreensão do entorpecente, a envolvida contou que conhece vários traficantes de Campo Grande e foi indicada para adquirir drogas de um rapaz conhecido como ‘carlinhos’. Ela teria combinado o valor de R$ 360 pelo kg da maconha e revenderia a droga para o outro detido, pelo valor de R$ 400.

Ela teria combinado anteriormente, a venda de 85 kg de maconha para ele e acertaram o valor de R$ 30,6 mil. O outro acusado deu como forma de pagamento um Citroen C4 Grand Picasso e R$ 7 mil.

A traficante também informou que ocorreria outra transação de drogas em frente a uma farmácia, no bairro Universitário. Ela disse que um Fiat Pálio estaria estacionado e, por essa transação, receberia parte do dinheiro. Os policiais abordaram o veículo e encontraram três pessoas.

Durante revista no carro, a equipe localizou no porta-malas, 16 tabletes de maconha. Na bolsa da esposa do motorista, de 24 anos, os policiais encontraram R$ 10 mil em dinheiro trocado. Ela informou que esse dinheiro seria depositado para um rapaz conhecido como ‘cumpadre’. O esposo, de 39 anos, contou aos policiais que a origem do dinheiro seria do comércio entre os dois motoristas que foram presos no início da ocorrência.

Todos os envolvidos foram encaminhados à Depac Centro (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

Jornal Midiamax