Polícia

Polícia Militar Rodoviária aprende veículo adulterado, carregador e munições na fronteira

A PMR (Polícia Militar Rodoviária) apreendeu um veículo adulterado, carregador e munições na fronteira nesta quarta-feira de Natal (25) em Aral Moreira, cidade a 371 quilômetros de Campo Grande As apreensões aconteceram durante a Operação Hórus, desencadeada pela Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e pela Secretaria Nacional de Operações Integradas do […]

Diego Alves Publicado em 25/12/2019, às 23h54

Divulgação PMR
Divulgação PMR - Divulgação PMR

A PMR (Polícia Militar Rodoviária) apreendeu um veículo adulterado, carregador e munições na fronteira nesta quarta-feira de Natal (25) em Aral Moreira, cidade a 371 quilômetros de Campo Grande

As apreensões aconteceram durante a Operação Hórus, desencadeada pela Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e pela Secretaria Nacional de Operações Integradas do Ministério de Justiça e Segurança Pública.

A Polícia Militar Rodoviária prendeu 2 homens, por uso de documento falso, adulteração de sinal identificador de veículo, tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

A equipe PMR patrulhava a rodovia MS-165, sentido Distrito de Sanga Puitã X Aral Moreira, quando avistou um veiculo VW/GOL, e este ao perceber a aproximação policial, acelerou tentando despistar a equipe entrando na cidade de Aral Moreira, sendo acompanhado e abordado já em frente a uma residência, no perímetro urbano. Durante a abordagem o condutor, um homem de 23 anos, natural de Gastão Vidigal – SP, apresentou o documento do veiculo e após detalhada checagem se contatou ser falso, além de fortes indícios de adulteração nos sinais identificadores do veiculo (Chassi raspado).

Na vistoria veicular percebeu-se forte odor de maconha no porta-malas indagado a respeito o condutor do veículo disse ser usuário de maconha e autorizou a equipe a realizar uma busca também na residência, que afirmava ser de seu irmão, onde foram encontrados um carregador de pistola 9mm marca Glock e 27 munições de cal. .22, no quarto que pertenceria ao condutor do veículo abordado.

Em ato continuo, a equipe policial realizou uma vistoria também no quintal da residência onde foi encontrando uma porção de aproximadamente 143 gramas de maconha, e também foram encontrados apetrechos para embalagens de drogas e uma balança de precisão.

Quando questionado sobre os ilícitos encontrados em sua residência, o homem disse que o carregador e as munições eram de sua propriedade, enquanto a balança de precisão e o entorpecente lhe pertenciam, assim como a seu irmão, sendo a sobra do que eles já haviam vendido, já quem comercializavam drogas naquele local. Quanto ao veiculo VW/Gol com indicio de adulterações, afirmou que havia adquirido recentemente de um desconhecido na cidade de Ponta Porã-MS e que pagou a quantia de aproximadamente R$ 5 mil.

Todos os indícios levam a crer que se trata de um veículo roubado ou furtado, mas como o chassis está raspado, somente após uma perícia técnica isso poderá ser confirmado.

Já quando indagado a seu irmão (homem de 19 anos) sobre os ilícitos encontrados na residência, ele afirmou que não tinha conhecimento do carregador de pistola Glock e das munições intactas cal.22, porem confirmou que droga (maconha) encontrada também era de sua propriedade.

Diante dos fatos, os autores foram encaminhados juntamente com as drogas, veículo e demais apetrechos para a Delegacia de Polícia Civil de Aral Moreira.

Jornal Midiamax