Polícia

Pasta-base apreendida em MS seria suficiente para produzir 600 kg de cocaína

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu, nesta terça-feira (5), 210 quilos de pasta base de cocaína, que estavam em um GM Ágile, placas de Campo Grande. A apreensão foi feita em Maracaju – a 160 km de Campo Grande. A apreensão aconteceu com apoio do Gaeco-MG (Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado […]

Dayene Paz Publicado em 06/06/2019, às 13h22

Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação. - Foto: Divulgação.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu, nesta terça-feira (5), 210 quilos de pasta base de cocaína, que estavam em um GM Ágile, placas de Campo Grande. A apreensão foi feita em Maracaju – a 160 km de Campo Grande.

A apreensão aconteceu com apoio do Gaeco-MG (Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado de Minas Gerais), durante ronda, próximo à entrada da cidade. Os agentes abordaram o GM/Agile era conduzido por um homem de 24 anos.

Ele confessou estar transportando drogas e em vistoria ao veículo, foram encontrados, dentro de quatro malas sobre o banco traseiro e no porta-malas, 210,2 quilos de pasta base de cocaína. Durante o flagrante, os policiais ouviram um rádio amador em funcionamento, onde outro homem chamava por ele.

Alguns quilômetros à frente, a equipe abordou um Fiat/Uno com placas de Campina Grande do Sul/PR. O condutor, de 25 anos, negou que estivesse fazendo o serviço de batedor para o Agile, porém foi localizado, escondido no interior do painel, outro rádio amador em funcionamento.

Os presos, os veículos e o entorpecente foram encaminhados à Polícia Civil em Maracaju.

Jornal Midiamax