Polícia

Golpe: Quadrilha usava site para anunciar veículos que não existiam

A Polícia Civil desarticulou, nesta segunda-feira (6), uma quadrilha que aplicava golpes em sites de compra e venda. A Operação Golpe na Rede contou com o apoio da Força Nacional e prendeu três integrantes da quadrilha, que agiam na região da cidade de Caarapó. Conforme as informações da polícia, o grupo usava o canal de […]

Dayene Paz Publicado em 07/05/2019, às 15h45 - Atualizado em 08/05/2019, às 09h43

None
olx.jpg

A Polícia Civil desarticulou, nesta segunda-feira (6), uma quadrilha que aplicava golpes em sites de compra e venda. A Operação Golpe na Rede contou com o apoio da Força Nacional e prendeu três integrantes da quadrilha, que agiam na região da cidade de Caarapó.

Conforme as informações da polícia, o grupo usava o canal de vendas OLX para aplicar os golpes. Os bandidos faziam anúncios falsos de venda de veículos e ludibriavam as vítimas que chegavam a efetuar depósitos bancários para comprar os carros.

Nesta segunda, uma vítima de São Paulo efetuou depósito no valor de R$ 17 mil para a compra de um carro. De imediato, os criminosos iniciaram uma ação para pulverizar o valor em contas diversas, dificultando o rastreio.

Conforme a Polícia Civil, o bando sacou R$ 4 mil em Caarapó e R$ 7.8 mil em Dourados, além de efetuar uma transferência de R$ 9 mil para uma conta na cidade de Cuiabá (MT). Durante as diligências, a polícia apreendeu R$ 7.8 mil em espécie e conseguiu bloquear a quantia de R$ 6.5 mil que ainda restava na conta de Cuiabá.

Dois veículos de propriedade dos acusados foram apreendidos, visando futuro ressarcimento das vítimas. As diligências continuam para identificar e prender os demais integrantes do bando.

Jornal Midiamax