Polícia

PMA prende no rio Paraguai dois suspeitos de praticar caça e apreende rifle

Um rifle calibre 22 e revólver 38

Diego Alves Publicado em 21/12/2017, às 21h59

None

Um rifle calibre 22 e revólver 38

A PMA (Polícia Militar Ambiental) prendeu duas pessoas que praticavam caça no Pantanal. Durante fiscalização ambiental no Rio Paraguai, na região do Distrito de Porto da Manga, policiais militares ambientais de Corumbá prenderam os dois homens por porte ilegal de armas e munições.PMA prende no rio Paraguai dois suspeitos de praticar caça e apreende rifle

Segundo a polícia, os autores estavam em uma embarcação no final da tarde desta quarta-feira (20), onde foram encontrados um rifle calibre 22 e 22 munições do mesmo calibre e um revólver calibre 38 com três munições.

As armas e munições não possuíam documentos e foram apreendidas, juntamente com um barco, um motor de popa do tipo rabeta, um tambor de combustível e três facões. A PMA suspeita que os infratores, residentes em Ladário, estariam praticando caça, porém, não haviam abatido nenhum animal ainda.

Os homens, de 22 e 38 anos, receberam voz de prisão e foram encaminhados, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Corumbá, onde eles foram autuados em flagrante por crime de porte ilegal de arma. A pena para este crime é de dois a quatro anos de prisão.

Jornal Midiamax