Polícia

Na véspera de eleição, Justiça flagra crime eleitoral em Tacuru

Caderno listava concessão de cargos e cestas básicas

Midiamax Publicado em 03/06/2017, às 23h05

None

Caderno listava concessão de cargos e cestas básicas

Homem de 46 anos foi preso, neste sábado (3), acusado de corrupção eleitoral em Tacuru, a 416 quilômetros de Campo Grande. Município terá nova eleição para prefeito no domingo.

Equipe da Carreta da Justiça, do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), teria flagrado Claudinei Luiz Bucioli na Rua Francisco Cerejo Neto. Ele estava em Toyota Hilux.

Houve apreensão, de acordo com boletim de ocorrência, de caderno com lista de pessoas que adesivaram seu veículo em troca de cestas básicas e futuros empregos na prefeitura. Na véspera de eleição, Justiça flagra crime eleitoral em Tacuru

Caso é tratado como corrupção eleitoral, um dia antes de eleição definir novo prefeito do município. Isso porque chapa eleita em outubro do ano passado foi impugnada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) depois de comprovada compra de votos.

Jornal Midiamax