Polícia

Dupla troca tiros com a polícia se esconde em matagal e é presa 19h depois

Outros dois suspeitos foram presos 

Midiamax Publicado em 06/01/2017, às 20h44

None
whatsapp_image_2017-01-06_at_12.49.31.jpeg

Outros dois suspeitos foram presos 

Depois de mais de 19 horas de buscas, policiais do Bope (Batalhão de Operações Especiais) da Polícia Militar prenderam Wellington Messias Araujo Vieira, de 18 anos e Jediel dos Santos, de 26 anos, escondidos em um matagal na região da BR-267, entre Rio Brilhante e Maracaju. A dupla chegou a trocar tiros à polícia enquanto tentava fugir, logo após cometer um roubo.

O caso começou na tarde desta quinta-feira (5), quando os dois suspeitos, acompanhado de Vander Nunes Porcebon, de 20 anos e Daniel Lemes Salina de Medeiros, de 24 anos, saíram de Maracaju em duas motos e foram até Rio Brilhante. Na cidade vizinha, os quatro homens roubaram uma terceira motocicleta, uma Honda Titan azul. Um dos assaltantes chegou a colocar a arma na cabeça da vítima, de 38 anos.

Depois do crime, Wellington e Jediel seguram de volta para Maracaju na mesma motocicleta em que estavam, enquanto os outros dois se dividiram para conseguir transportar o veículo roubado. A Polícia Militar de Rio Brilhante foi acionada pela vítima e conseguiu localizar os suspeitos na rodovia.

Vander e Daniel, que estava cada um em uma moto, conseguiram escapar da guarnição, mas foram interceptados por policiais militares de Maracaju e acabaram presos. Na tentativa de parar a fuga do primeiro suspeito, os policiais efetuaram disparos de bala de borracha. Vander foi atingido nas costas e caiu do veículo. Com ele foi apreendido um revólver calibre 38, contendo seis munições intactas.

Já Wellington e Jediel foram perseguidos pelos militares até parte da rodovia, quando abandonaram a motocicleta e entraram no matagal. Segundo informações apuradas pelo Midiamax, neste momento houve uma troca de tiros com os policiais.

Imediatamente, uma equipe do Bope foi acionada em seguida e foi até a região para localizar os suspeitos. Por volta das 12 horas desta sexta-feira (6), aproximadamente 19 horas depois, e com ajuda de cães policiais, conseguiram encontrar a dupla. Conforme o boletim de ocorrência, os suspeitos estavam agressivos e precisaram ser algemados.

As três motos foram recuperadas e os quatro suspeitos presos. O caso foi registrado como roubo majorado pelo emprego de arma na Delegacia de Polícia Civil de Rio Brilhante. 

Dupla troca tiros com a polícia se esconde em matagal e é presa 19h depois

Jornal Midiamax