Polícia

Assassino de ‘Pitchula’ recebe liberdade após quatro meses de prisão

Vai responder em liberdade

Thatiana Melo Publicado em 07/07/2017, às 12h20

None

Vai responder em liberdade

Foi concedida a liberdade a Thiago Aparecido da Costa de 26 anos acusado pelo assassinato de Adilson Maciel de Oliveira de 32 anos, conhecido como ‘Pitchula’, morto em fevereiro deste ano em frente a uma boate na cidade de Coxim distante 253 quilômetros de Campo Grande.

Após dois pedidos de habeas corpus e quatro meses de prisão, nesta quarta-feira (5) foi concedida a liberdade e na quinta-feira (6) Thiago deixou a prisão. Ele vai responder em liberdade, mas com medidas restritivas.

Thiago não poderá frequentar bares, boates e nem beber em público ou sair da cidade de Coxim sem autorização judicial, segundo o site Coxim Agora.Assassino de ‘Pitchula’ recebe liberdade após quatro meses de prisão

Relembre o caso

Thiago tinha um envolvimento amoroso com a ex-namorada de ‘Pitchula’, e na noite do dia 11 de fevereiro deste ano, os dois teriam tido uma discussão por causa do relacionamento, em uma boate em que o casal estava.

Ele teria ido até o carro para buscar um revólver, e quando voltou ao bar novamente entrou em discussão com ‘Pitchula’, já com o revólver calibre 38 em mãos, Thiago atirou na vítima, que foi atingido por um disparo na cabeça.

Após o crime, Thiago foi para casa no Celta branco e guardou a arma e as munições deflagradas. Ele trocou de roupa e decidiu voltar ao bar, para ‘ver a movimentação’. Como os policiais tinham a informação que ele havia fugido em um Celta branco, foi abordado e detido ao voltar ao local, mas a princípio era suspeito de ter dado fuga ao autor do crime. A arma foi apreendida na casa e Thiago afirmou que atirou duas vezes.

Jornal Midiamax