Polícia

‘Arrependido’ depois que vídeo de furto caiu na net, ladrão devolve o que roubou

Cliente estaria sendo reconhecido, alegou a advogada

Midiamax Publicado em 10/05/2017, às 16h12

None
05050.jpg

Cliente estaria sendo reconhecido, alegou a advogada

A viralização das imagens registradas por câmeras de segurança de uma residência na Vila Marly, que mostram a ação rápida de uma dupla de ladrões no último dia 20 de abril, fez com que a advogada de um dos bandidos procurasse a vítima. O morador da casa recuperou cerca de 80% dos pertences furtados.

No dia do crime, véspera de feriado, os marginais usaram uma ferramenta tipo ‘pé de cabra’ para estourar a fechadura da janela. Os moradores da casa estavam no trabalho.

A vítima decidiu publicar a gravação em seu Facebook e o post gerou muitos comentários e compartilhamentos, de internautas e amigos da vítima, revoltados com a atitude dos criminosos.

Suposto autores

No último dia 28 de abril, uma dupla foi presa no Aero Rancho e apontada como a responsável pela ação, porém em outra publicação, no Facebook, o morador da casa disse não reconhecer os presos.

“As informações de que a quadrilha presa esta madrugada seria a que teria furtado a minha residência semana passada (20/04) não é verdadeira. Essa quadrilha também atuava não região, mas os autores do furto a minha casa ainda estão à solta e nenhum objeto Furtado ainda foi recuperado (sic)”, publicou.

Devolução

Por mais improvável que possa parecer, os pertences foram recuperados. A advogada teria ‘reclamado’ da exposição do cliente na Polícia Civil e foi orientada a devolver parte dos itens.

Os objetos foram devolvidos na sexta-feira (5), na Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos), na Capital.

“Isso mesmo. A advogada de um dos meliantes procurou a polícia civil e alegou que pela repercussão que o vídeo teve nas mídias e rede social o ladrão estaria sendo reconhecido, e por isso pediu a advogada que devolvesse parte dos itens furtados. Recuperei cerca de 80%”, disse a vítima.

Assista:

Jornal Midiamax