Polícia

Vizinha estranha mau cheiro e descobre corpo em ponto de uso de droga

Ele era visto constantemente embriagado

Renata Portela Publicado em 20/01/2016, às 12h03

None
policia_-_generica.jpg

Ele era visto constantemente embriagado

Na noite de terça-feira (19), por volta das 20h40, Antônio Alves dos Santos, de 46 anos, foi encontrado morto na casa em que morava em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande. O corpo foi encontrado por uma vizinha, que estranhou o mau cheiro vindo da residência e o sumiço da vítima.

Segundo informações do boletim de ocorrência, equipe da Polícia Militar foi acionada para ir até a casa, onde o homem foi encontrado morto. A testemunha, vizinha da vítima, informou que começou a sentir fortes odores vindos da casa de Antônio, então foi até a residência do vizinho, olhou pela portinhola do portão e viu um homem sentado na área.

De acordo com relato da vizinha, ela questionou o rapaz sobre Antônio, perguntando se ele o tinha visto, mas a resposta foi negativa. Em seguida, o rapaz entrou na casa para olhar, voltou dizendo que Antônio estava morto e, em seguida, saiu correndo. Alguns instantes depois, a Polícia Militar recebeu ligação anônima dizendo que o rapaz que estava no quintal e fugiu correndo se chamava Leandro.

Consta no registro policial que outro vizinho viu Antônio no domingo, sendo carregado por dois homens, em visível estado de embriaguez. Na casa, os policiais encontraram o corpo da vítima, em estado de decomposição, e Polícia Civil e Perícia foram acionadas. Antônio estava caído na sala, com a porta da casa aberta.

Segundo a polícia, havia várias cartelas de medicamentos vazias, além de receitas médicas no quarto de Antônio. Não havia marcas ou sinais de violência e, a informação é de que a residência era ponto para consumo de drogas. Populares também relataram que a vítima tinha problemas de saúde e que constantemente estava embriagada e pedindo comida no bairro.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) como morte a esclarecer.

Jornal Midiamax