Polícia

VÍDEO: ‘Marcelino’ é preso por tentar apagar tocha olímpica com balde de água em MS

Ele usou um balde de água

Midiamax Publicado em 26/06/2016, às 16h57

None
aguaetocha.jpg

Ele usou um balde de água

Um homem foi preso em flagrante em Maracaju, a 160 quilômetros de Campo Grande, na manhã deste domingo (26) depois de tentar apagar com um balde de água a chama olímpica, símbolo das Olimpíadas do Rio 2016. Ele chegou a molhar a equipe que acompanhava o percurso.

De acordo com informações da Polícia Militar de Maracaju, por volta das 11h, o homem se aproximou dos condutores e jogou um balde de água quando a tocha passava pela Rua Marechal Deodoro, centro de Maracaju.

O homem fugiu em seguida, e por conta da quantidade de pessoa que acompanhava a passagem da tocha, não foi identificado pela polícia. Testemunhas descreveram o suspeito e a roupa que ele vestia (calça jeans, camiseta, listrada e boné azul) e em buscas pela região, os policiais avistaram Marcelino M. S. Proença, de 27 anos em frente a sua residência, cerca de 100 metros do local em que os fatos aconteceram.

Ao perceber a aproximação da viatura, o rapaz correu para dentro na casa, mas sua mãe liberou a entrada dos militares, que prenderam ‘Marcelinho’ em flagrante pelo crime dano ao patrimônio cultural.

Segundo o site Maracaju Speed, o rapaz confessou aos policiais ter sido ele o autor do crime e afirmou que tudo não passou de uma brincadeira. Na Delegacia de Polícia Civil da cidade, o delegado responsável arbitrou uma fiança de R$ 1 mil para Marcelinho ser liberado. 

Ainda neste domingo (26), a tocha segue para Dourados, onde vai pernoitar. A tocha vai seguir para as cidades de Nova Andradina e Bataguassu na segunda-feira (27), depois vai para São Paulo.

A Chama Olímpica desembarcou no Estado na noite da sexta-feira (24), e já percorreu Campo Grande e Bonito. (Matéria alterada às 14h34 para acréscimo de informações)

Veja o vídeo:

Jornal Midiamax