Polícia

Suspeitos de fazerem família refém e roubarem Hilux e Camaro são presos

Outros envolvidos estão foragidos

Renata Portela Publicado em 06/05/2016, às 16h00

None
wmx-640x360x4-572cbbc3713fc5a6d2452217512ac1959d3e33b31dfcd.jpg

Outros envolvidos estão foragidos

Elias de Castro Martins Júnior, de 19 anos, e Giovane Mendes da Fonseca, de 23 anos, foram presos em Dourados, cidade a 225 quilômetros de Campo Grande, na tarde de quinta-feira (5). Eles estariam envolvidos no roubo de duas camionetes, um Camaro e uma moto na manhã do mesmo dia.

Outros cinco integrantes da quadrilha ainda são procurados e considerados foragidos. A polícia não divulgou os nomes dos outros suspeitos, que invadiram a casa de uma família e fugiram levando duas caminhonetes Toyota Hilux, um Camaro e a Honda CG Titan de um pedreiro que trabalhava na casa, além de vários outros pertences.

Conforme o site Dourados News, com a dupla foram encontrados dois revólveres calibre 38, uma pistola, três frascos de perfumes, óculos e uma porção de maconha. Em depoimento, Elias disse ter participado de pelo menos cinco assaltos nos últimos dias em Dourados, enquanto Giovane só assumiu autoria no de quinta-feira.

Eles afirmaram que os veículos seriam levados para a Bolívia, porém, a polícia descarta essa hipótese e acredita que as camionetes e o carro estejam no Paraguai. Os dois rapazes estão presos no 1º Distrito Policial e as investigações continuam.

O caso

De acordo com as informações policiais, a quadrilha entrou armada na residência onde moram três pessoas, duas mulheres, de 43 e 35 anos, e um rapaz de 25 anos. Enquanto dois dos criminosos cuidavam das vítimas, outros cinco levavam os veículos, uma Hilux prata, outra Hilux preta, um Camaro amarelo e uma Honda CG.

Jornal Midiamax