Polícia

Servidor suspeito de assediar menino foi liberado após depoimento

O caso é tratado como importunação 

Midiamax Publicado em 26/10/2016, às 21h27

None
_mg_0086.jpg

O caso é tratado como importunação 

O servidor público de 57 anos detido por importunação ofensiva ao pudor contra um menino de 13 anos, na Praça Ary Coelho em Campo Grande, foi ouvido e liberado ainda na noite desta terça-feira (26). O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Segundo informações da Guarda Civil Municipal, depois da denúncia, o suspeito foi levado para a delegacia, prestou depoimento e foi liberado após assinar um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência). O caso será investigado pela Polícia Civil, mas a delegacia que receberá a boletim de ocorrência ainda não foi definida. 

O caso aconteceu depois que uma testemunha procurou a Guarda Municipal e relatou que o adolescente afirmou que o funcionário público fez gestos obscenos, assobiou chamando sua atenção e disse: “Eu gosto de ch…. os meninos”. Ele ainda teria oferecido dinheiro para o garoto.

A ação foi flagrada pelas câmeras de videomonitoramento. Na Depac, o funcionário público disse que é homossexual assumido e que o fato não é verídico. O menor foi entregue ao pai e o caso registrado como importunação ofensiva ao pudor.

Jornal Midiamax