Polícia

Polícia busca por ‘Johnny’, suposto autor de duplo homicídio nas Moreninhas

Dois foram executados na noite de terça

Midiamax Publicado em 27/01/2016, às 13h00

None
policia_ilustrativa-gw.jpg

Dois foram executados na noite de terça

Dois homens foram executados a tiros na noite desta terça-feira (26), por volta das 22h30, na Rua Quina da Serra, no Bairro Moreninha III, região sul de Campo Grande. As vítimas foram socorridas, mas não resistiram.

Segundo a Polícia Civil, a Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de vítimas atingidas por disparo de arma de fogo. Ao chegar ao local, os policiais foram informados de que as vítimas haviam sido socorridas por populares e encaminhadas para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro.

A PM foi até a unidade de saúde e constatou que Gleison Aveiro da Silva Oliveira, 24 anos, havia sido atingido com um tiro no olho e outro nas costas e que Luiz de Jesus Moraes, 20, com um tiro nas costas.

Luiz não resistiu e morreu na UPA, já Gleison foi transferido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para Santa Casa, mas morreu ao chegar ao hospital. A PM fez diligências pela região e constatou que o autor dos disparos foi um homem, identificado apenas como Johnny, e não foi localizado.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, Johnny está foragido e é morador do Bairro José Macksoud. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Polícia Civil) da Vila Piratininga como homicídio simples.

Outro homicídio – Na noite desta segunda-feira (26) Billy Ferreira da Silva, 22 anos, morreu com um tiro no peito e outro nas costas na Rua Lourenzo Torres Cintas, no Jardim Paulo Coelho Machado, região sul de Campo Grande.

A vítima ainda tentou fugir pulando o muro e acabou caindo no quintal da vizinha. O Corpo de Bombeiros ainda tentou reanimá-lo, mas ele não resistiu.

Jornal Midiamax