Polícia

PM encontra corpo amordaçado, com sinais de asfixia e com lenço na boca

A vítima não foi identificada

Midiamax Publicado em 03/09/2016, às 15h43

None
editada2.jpg

A vítima não foi identificada

O corpo de um rapaz foi encontrado na manhã deste sábado (3) amordaçado e com os pés e mãos amarradas em Naviraí, a 358 quilômetros de Campo Grande. Quando a vítima foi encontrada caída embaixo de uma árvore, no Jardim Paraíso, e tinha um lenço dentro da boca.

Por volta das 7 horas, moradores da região encontraram o corpo do jovem, que ainda não foi identificado. O rapaz estava com os pés e mãos amarrados, e com uma mordaça. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionados e inicialmente desconfiaram que a vítima estava com um bilhete da boca, mas durante a perícia foi constatado que se tratava de um lenço.

Segundo o site Folha de Naviraí, a suspeita é que a vítima tenha sido asfixiada, já que nenhum lesão foi encontrado no corpo. Ainda assim a causa da morte só será confirmada depois de exames.

Conforme o site, moradores não reconheceram a vítima e afirmaram que não ouviram nenhum tipo de barulho durante a madrugada.O caso agora é investigado pela Delegacia de Polícia Civil da cidade.

Insegurança

Depois da rebelião na Penitenciária de Naviraí, no dia 4 de agosto, o clima entre os moradores da cidade é de insegurança. Na data, dois detentos foram mortos, um deles decapitado e a unidade prisional praticamente destruída.

Na quarta-feira (31), um agente penitenciário foi alvejado por quatro tiros em frente a uma creche no centro da cidade. Dois suspeitos de participação no atentado foram presos e um terceiro já identificado, continua foragido. O agente está internado no Hospital da Vida em Dourados.

O caso é investigado e uma força tarefa foi montada para esclarecer o crime, que aconteceu no dia do aniversário de 23 anos do PCC (Primeiro Comando da Capital). (Matéria alterada às 13h08 para correção de informações)

Jornal Midiamax