Polícia

Homem é ferido com tiro na cabeça na fronteira e morre no hospital

O crime aconteceu no Paraguai 

Midiamax Publicado em 10/09/2016, às 15h00

None
_mg_0092.jpg

O crime aconteceu no Paraguai 

Familiares de um homem de 42 anos procuraram a polícia neste sábado (10) para denunciar o seu assassinato em Bella Vista Norte, cidade paraguaia que faz fronteira com Bela Vista, a 324 quilômetros de Campo Grande. Virgílio Jara Filho foi ferido com um tiro na cabeça no dia 7 de setembro, foi socorrido a um hospital no lado brasileiro, mas não resistiu.

O irmão da vítima contou para a polícia que na data Virgílio andava de bicicleta ao lado da esposa, e da filha de 4 meses, quando dois homens em uma motocicleta se aproximaram, dispararam contra ele e fugiram em seguida. O tiro atingiu a cabeça do homem, que foi socorrido por uma equipe médica do Paraguai e levado para um hospital em Bela Vista.

Mesmo internado a vítima não resistiu ao ferimento. Ainda conforme o boletim de ocorrência, a esposa de Virgílio é paraguaia e empurrava o carrinho de bebê da filha quando presenciou o assassinato. A mulher chegou a ser ouvida como testemunha pela polícia na data.

Depois da morte de Virgílio o caso foi registrado como homicídio doloso, se o crime é praticado em concurso de duas ou mais pessoas na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro, em Campo Grande. 

Jornal Midiamax