Polícia

Suspeito de matar jovem com 15 facadas na Capital é preso com dinheiro de vítima

O autor chegou a levar uma facada na perna

Diego Alves Publicado em 27/10/2015, às 01h33

None
preso.jpg

O autor chegou a levar uma facada na perna

Fábio Adão Godoy de 28 anos que é suspeito de ter matado Cesar Augusto da Silva Melo de 26 anos a facadas na tarde desta segunda-feira (26), foi preso com R$ 600 e um bilhete de cobrança que seriam de Cesar.

O crime aconteceu na frente de um bar localizado na Rua Abrão Anache, no Bairro Nova lima, região norte de Campo Grande. A prisão foi feita por policiais do SIG/DPC (Setor de Investigação Geral/Delegacia da Polícia Civil).

O pai de Fábio, João Jorge Godoy de 47 anos, dono do bar também é suspeito de ter matado Cesar que levou aproximadamente 15 facadas. Cesar teria ido ao local para cobrar uma dívida de João Jorge Godoy.

Cesar teria sido convidada a entrar na casa que fica aos fundos do estabelecimento, e lá teria se desentendido com eles. Pai e filho teriam então efetuado várias facadas na vítima.

Segundo informações do delegado Alexandre Amaral Evangelista, da 2ª Delegacia de Polícia Civil, o crime aconteceu dentro da casa e depois de ferida a vítima andou até uma porta que dá acesso ao bar onde morreu. Duas facas ensanguentadas foram encontradas dentro da residência e marcas no chão indicam que houve luta corporal.

Fábio chegou a levar uma facada na perna durante luta corporal que ele e o pai tiveram com a vítima antes do assassinato. Após o crime, Fábio foi pra casa, trocou de roupa e colocou a roupa ensanguentada e o dinheiro dentro de um saco. Fábio disse à polícia que jogou a sacola com a roupa e o dinheiro em um terreno baldio. Após ser preso, Fábio foi levado para atendimento e depois encaminhado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), Centro.

Jornal Midiamax