Polícia

Objeto suspeito estava sob mesa de autoridades no auditório do Palácio Popular

Mais viaturas policiais e dos bombeiros são enviadas para o local

Midiamax Publicado em 02/01/2015, às 13h51

None
destaque6.jpg

Mais viaturas policiais e dos bombeiros são enviadas para o local

O artefato suspeito encontrado nesta manhã no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, em Campo Grande, estava dentro do auditório principal, sob a mesa onde autoridades tomaram posse no governo estadual, na tarde de quinta-feira (1º). O objeto tem dois canos de PVC e está enrolado com fita adesiva, assemelhando-se a uma bomba.

Viaturas de resgate e de combate a incêndio do Corpo de Bombeiros foram enviadas para reforçar os trabalhos nas imediações do local, após o achado do artefato suspeito. Por volta das 10h45, agentes do Garras (Grupo Armado de Repressão a Roubos, Assaltos e Sequestros) e pessoal da perícia técnica também apareceram.

As imediações do local foram isoladas pela Polícia Militar por volta das 10 horas. Foram funcionários que trabalhavam desmontando a estrutura do evento do dia anterior que encontraram o objetivo e avisam os policiais.

Nelson Antônio da Silva, chefe de segurança institucional do governo, foi até o local. Segundo ele, aguarda-se a análise de peritos no objeto encontrado.

A mesma fonte garantiu que, no dia 1º, todos os procedimentos de segurança foram adotados para o evento de posse do secretariado do novo governador, Reinaldo Azambuja (PSDB). Não houve incidentes durante o ato, na ocasião.

Jornal Midiamax