Polícia

Motorista de 18 anos atropela seis após ‘cavalinho de pau’ frustrado

Uma das vítimas ficou em estado grave

Kemila Pellin Publicado em 22/11/2015, às 22h06

None
prisma.jpg

Uma das vítimas ficou em estado grave

Seis pessoas foram atropeladas por um rapaz de 18 anos, sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação), identificado como Guilherme Augusto Sanches Casal, depois dele perder o controle do carro e subir na calçada onde as vítimas estavam. O acidente aconteceu por volta das 4h10 da manhã deste domingo (22), na Avenida Tiradentes, na cidade de Miranda, distante 180 quilômetros de Campo Grande.

Conforme o boletim policial, Guilherme, que é morador de Anastácio, atingiu as pessoas, sendo quatro homens e duas mulheres entre 18 e 49 anos, ao perdeu o controle do carro enquanto tentava fazer uma manobra perigosa, conhecida como cavalinho de pau. Cinco foram encaminhadas para o Hospital da cidade, e uma das vítimas precisou ser transferida para a Santa Casa de Campo Grande, devido a gravidade dos ferimentos.

A identificação da vítima foi preservada, mas conforme o investigador da Polícia Civil da cidade, o quadro clínico do paciente já está estabilizado.

O suspeito, que dirigia um Chevrolet Prisma, placa HTQ-6401, chegou a ser agredido por populares que testemunharam o acidente, e levaram-no até o quartel da Polícia Militar, que fica próximo ao local. A polícia precisou intervir nas agressões. Guilherme foi levado para a delegacia da Polícia Civil, onde foi atuado por lesão corporal, direção perigosa, e por dirigir sem permissão. Ele pagou multa de R$ 1 mil e foi liberado.

Jornal Midiamax