Polícia

Homem ferido a bala no rosto é abandonado na portaria de hospital

Sem se identificar, populares abandonaram jovem

Arlindo Florentino Publicado em 09/08/2015, às 17h05

None
pm_ponta_pora.jpg

Sem se identificar, populares abandonaram jovem

A Polícia MIlitar de Ponta Porã, a 348 quilômetros de Campo Grande, foi chamada ao Hospítal Regional pois um homem havia dado entrada no local com um ferimento a bala no rosto.

Ao chegar, foi constatado que Maurício dos Santos de 18 anos, havia sido alvejado no rosto por um disparo de arma de fogo. O tiro acertou a região logo abaixo do olho, transfixou o rosto saindo atrás da orelha.

A atendente do hospital relatou que o pacienter havia sido deixado na recepção por algumas pessoas que não se identificaram e deixaram o local apressadamente, afirmando que iriam em busca de familiares de Mauríco.

O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Ponta Porã e até o início da tarde não havia qualquer pista dos responsáveispela tentativa de homicídio.

Jornal Midiamax