Polícia

Homem coloca fogo na casa da ex, foge e é encontrado embaixo da cama da mãe

Policiais apagaram as chamas com potes de sorvete

Carol Alencar Publicado em 14/06/2015, às 21h15

None
foto_3.jpg

Policiais apagaram as chamas com potes de sorvete

Uma casa localizada no Jardim das Palmeiras, na cidade de Água Clara (185 quilômetros de distância da Capital) pegou fogo na madrugada deste domingo (14). O motivo? Um ex-marido que estava aborrecido ateou fogo contra a casa da ex-mulher.

“No local, encontramos uma casa sendo tomada pelas chamas e correndo risco de espalhar as chamas pelas casas da vizinhança, uma vez que, as chamas já estariam oferecendo risco pois estariam comprometendo a fiação elétrica do imóvel”, explicou ao Jornal Midiamax, um cabo da Polícia Militar que esteve no local.

Ao perceber que o fogo se alastrava e, logo depois de acionar o caminhão pipa da Prefeitura, os policiais não mediram esforços em apagar o fogo da casa e, mesmo sem equipamento adequado e sem instruções e conhecimentos específicos, entraram na residência com potes de sorvete (2 litros) e baldes com água para tentar conter as chamas.

O caminhão pipa não foi até o local e eles conseguiram apagar o fogo do imóvel. Ninguém ficou ferido e a proprietária e ex-mulher do autor, não estava em casa.

O autor do incêndio e ex-marido, Robson Ferreira Cardoso fugiu após arrombar e atear fogo no imóvel. A polícia informou que encontrou o rapaz escondido debaixo da cama de sua mãe.  Foi informado que eles estariam em processo de separação e, uma testemunha que não quis se identificar, disse que há dias presencia as brigas do casal.

Até o fechamento desta edição, o autor do incêndio estava preso da Delegacia de Pronto Atendimento – Depac da cidade de Água Clara. Ele confessou o incêndio e a Polícia Militar tomou todas as orientações de praxe quanto a casos assim.

Jornal Midiamax