Polícia

Representante de governador do RS se diz surpreso com possibilidade de aliança PT-PSDB em MS

O secretário de Estado de Planejamento do Rio Grande do Sul, João Matos, que representa o governador gaúcho, Tarso Genro (PT), no evento da Codesul (Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul), declarou estar surpreso com a possibilidade da aliança PT-PSDB em Mato Grosso do Sul. Matos disse estar acompanhando e frisou que é preciso ver […]

Arquivo Publicado em 19/03/2014, às 15h54

None
340212172.jpg

O secretário de Estado de Planejamento do Rio Grande do Sul, João Matos, que representa o governador gaúcho, Tarso Genro (PT), no evento da Codesul (Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul), declarou estar surpreso com a possibilidade da aliança PT-PSDB em Mato Grosso do Sul.

Matos disse estar acompanhando e frisou que é preciso ver as especificações de cada estado, mas reforçou ser uma surpresa a possibilidade da aliança no estado.

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB) também foi perguntado sobre a aliança e declarou estranhar a aliança e não saber se ela se concretizará.

A aliança entre PT e PSDB foi anunciada na segunda-feira (17) pelo presidente regional do PT, Paulo Duarte, após reunião com os principais líderes do partido. Segundo ele, a decisão foi consenso e que a nacional será avisada em breve da decisão, que não repetirá a dobradinha.

Dois palanques deverão ser montados para receber a presidenta Dilma, pelo PT e o futuro candidato a presidente Aécio Neves, pelo PSDB.

Jornal Midiamax