Polícia

Homem é preso após furtar celulares em loja

Francisco Gladston Gomes Carvalho, de 34 anos, foi preso por volta das 06 horas deste sábado (7), por uma equipe do SIG (Serviço de Inteligência Geral) por arrombar a porta de loja e levar cinco aparelhos celulares em Sonora – a 351 km de Campo Grande. Além do roubo na loja, ocorrido durante a madrugada, […]

Arquivo Publicado em 07/12/2013, às 14h10

None
1792358184.jpg

Francisco Gladston Gomes Carvalho, de 34 anos, foi preso por volta das 06 horas deste sábado (7), por uma equipe do SIG (Serviço de Inteligência Geral) por arrombar a porta de loja e levar cinco aparelhos celulares em Sonora – a 351 km de Campo Grande.


Além do roubo na loja, ocorrido durante a madrugada, Carvalho teve coragem de furtar uma máquina fotográfica dentro da delegacia, na sexta-feira (6), quando foi registrar um boletim de ocorrência pelo extravio de seus documentos.


Conforme informações da polícia, por volta das 4h20, o proprietário da loja de eletrônicos, Raildo Lopes, percebeu que o alarme havia disparado, ele desligou e voltou a dormir, porém, logo em seguida o alarme voltou a disparar. Ao chegar à loja, Lopes encontrou a porta de vidro quebrada e acionou a Polícia Militar.


De posse das características do autor, os investigadores suspeitaram de que seria o mesmo homem que havia furtado a delegacia e ao confrontar as imagens do circuito interno da loja e da delegacia comprovaram que se tratava da mesma pessoa.


Nas imagens da loja, os investigadores verificaram que após cometer o roubo o autor seguiu sentido a BR-163. Duas horas após o crime, os policiais chegaram até um hotel, localizado na avenida João Leite Schimidt e encontraram o autor em um dos quartos, dormindo tranquilamente.


Os policiais localizaram os cinco celulares furtados da loja e a máquina fotográfica que havia sido furtada da delegacia dentro de uma mala. O material foi apreendido assim como o casaco utilizado para cometer os crimes.


Carvalho recebeu voz de prisão, foi encaminhado para o Hospital Municipal, pois apresentava uma lesão na cabeça, devido a uma queda de moto há três dias, após ser atendido ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Sonora.


Ele é suspeito de ter cometido outros furtos e roubos, na semana passada outra loja também teve vários celulares furtados e o autor utilizava um casaco muito parecido com o de Carvalho. Nos dois casos, a forma de agir foi igual.

Jornal Midiamax