Polícia

Andarilho é preso após furtar R$1.800 de escritório

A Polícia Militar prendeu na tarde desta sexta-feira (6), um andarilho morador de rua, de 24 anos, acusado de furtar R$1.800 de um escritório de contabilidade no centro de Naviraí a 359 km de Campo Grande. Segundo informações, por volta das 14h45m, a Policia Militar foi acionada pela proprietária do escritório, informando que ela havia […]

Arquivo Publicado em 07/12/2013, às 11h44

None
1336423119.jpg

A Polícia Militar prendeu na tarde desta sexta-feira (6), um andarilho morador de rua, de 24 anos, acusado de furtar R$1.800 de um escritório de contabilidade no centro de Naviraí a 359 km de Campo Grande.


Segundo informações, por volta das 14h45m, a Policia Militar foi acionada pela proprietária do escritório, informando que ela havia acabado de ser vítima de um furto. De imediato uma guarnição da PM se deslocou até o referido escritório, onde a proprietária relatou que um jovem morador de rua, que frequentemente passa no escritório onde pede para comer algumas bolachas e beber café, que fica na recepção do local, chegou ao escritório e como é de costume ela deixou o mesmo a fazer a refeição.


Em um momento de descuido, o jovem adentrou em uma das salas do escritório que estava com a porta aberta, e furtou a quantia de R$1.800, que estava sobre uma mesa, saindo correndo em seguida para a rua tomando rumo ignorado.


Ao notar o furto, a mulher acionou a PM que de posse das características do autor, passou a realizar diligência na área central da cidade, conseguindo localizar o mesmo dentro de um bar.


Ao ser questionado sobre o furto, o autor identificado como sendo Reginaldo Valiente, de 24 anos, o qual já possui várias passagens pela polícia da cidade de Dourados, por furtos, agressão, posse de arma de fogo entre outros, negou ter cometido o furto ao escritório. Em revista pessoal ao mesmo nada foi encontrado.


Os policiais levaram Reginaldo para ser reconhecido pela vítima, porém ao chegar ao escritório, ele chamou um dos policias para conversar, fez uma proposta, oferecendo para o policial, parte do dinheiro furtado.


Segundo o policial, Reginaldo colocou a mão dentro do calção, e tirou das partes íntimas, todo o dinheiro furtado, oferecendo parte ao policial. Foi lhe dado voz de prisão. Reginaldo foi então encaminhado para o 1º DP (Delegacia de Polícia Civil), onde ele foi autuado e preso em flagrante.


Reginaldo que é taxado como doido por populares, é conhecido na cidade por andar atormentando principalmente atendentes femininas do comércio.

Jornal Midiamax