Polícia

Polícia prende três acusados de matar para vingar traição em Amambai

A Polícia Civil prendeu na tarde desse domingo (15), três indígenas, entre eles uma mulher de 27 anos, acusados de matarem outro índio a golpes de enxada e de rastelo para vingar um suposto caso de traição, em Amambai. O crime ocorreu na madrugada desse domingo na Aldeia Limão Verde, distante cerca de três quilômetros […]

Arquivo Publicado em 16/05/2011, às 00h39

None

A Polícia Civil prendeu na tarde desse domingo (15), três indígenas, entre eles uma mulher de 27 anos, acusados de matarem outro índio a golpes de enxada e de rastelo para vingar um suposto caso de traição, em Amambai. O crime ocorreu na madrugada desse domingo na Aldeia Limão Verde, distante cerca de três quilômetros da cidade.


Segundo a polícia, ao descobrir que a esposa teria mentido relação sexual com o rapaz, o marido, Clementino da Silva Gomes, de 22 anos, em companhia de Adriano Vilhalba, de 23 anos e de Adelícia Almeida, também de 23 anos, teriam abordado a vítima, Roberto Morales, de 24 anos, que foi brutalmente assassinado.


Ao tomar conhecimento do crime, a Polícia Civil de Amambai passou a investigar o caso e realizou a prisão dos três acusados.


Encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, o trio foi autuado em flagrante pelo delegado de plantão, Dr. Marcius Geraldo Cordeiro e conduzido para o EPAM (Estabelecimento Penal de Amambai), onde permanecerá preso à disposição da Justiça.

Jornal Midiamax