Polícia

Homem que escapou do cerco policial estaria pronto para matar dois policiais de Costa Rica

Continua presa na cadeia pública de Costa Rica, Helena de Fátima Silva Lacerda, 35, acusada pelos crimes de tráfico de drogas e moeda falsa (dinheiro falso) . Ela foi presa na última sexta-feira (23), na Fazenda Santa Maria, distante cerca de 100 km de Costa Rica. O delegado Cleverson Alves dos Santos está à procura […]

Arquivo Publicado em 26/12/2011, às 22h40

None

Continua presa na cadeia pública de Costa Rica, Helena de Fátima Silva Lacerda, 35, acusada pelos crimes de tráfico de drogas e moeda falsa (dinheiro falso) . Ela foi presa na última sexta-feira (23), na Fazenda Santa Maria, distante cerca de 100 km de Costa Rica. O delegado Cleverson Alves dos Santos está à procura de um terceiro elemento que seria de alta periculosidade e teria conseguido furar o cerco policial na propriedade rural.


De acordo com o delegado o homem estaria pronto para executar duas autoridades no município, as investigações apontam que possivelmente seriam duas autoridades policiais, porém ele não revelou quem seriam os policiais, mas acredita serem policiais civis.


Helena e esposa do Oswaldo José de Almeida Junior, o “Dinho”. Ele é acusado de ter planejado e mandado executar o advogado Nivaldo Nogueira de Souza que foi morto no dia 23 de março de 2009, em uma lanchonete da cidade. Dinho está recolhido no presídio Federal de Campo Grande.


Na fazenda foi apreendido R$ 200,00 reais em notas falsas, sendo quatro cédulas de R$ 50,00 reais, substância em pó, dois sacos de produto pó branco desconhecido que pesou 644 gramas, um aparelho de telefone celular de cor preta da marca Nokia, três pacotes pequenos de maconha que totalizou 236 gramas, pasta base, 15 trouxinhas com três gramas cada uma de substância análoga, ou seja, pasta base cocaína.


O dinheiro, a droga e um bilhete foram encontrados dentro de um cano de pvc no mangueiro da fazenda que fica próximo a casa.

Jornal Midiamax