Mundo

Menina de 4 anos encontra pegada de dinossauro de 220 milhões de anos

No Reino Unido, menina de 4 anos encontrou uma pegada de um pequeno dinossauro incrustrada em uma rocha. O caso aconteceu durante uma caminhada da filha com o pai e o cachorro, em uma praia no país de Gales, Reino Unido. A pequena se chama Lily Wilder, e sua descoberta despertou muitos paleontólogos que estimam […]

Carolina Rocha Publicado em 01/02/2021, às 16h56

MUSEU NACIONAL DO PAÍS DE GALES/DIVULGAÇÃO
MUSEU NACIONAL DO PAÍS DE GALES/DIVULGAÇÃO - MUSEU NACIONAL DO PAÍS DE GALES/DIVULGAÇÃO

No Reino Unido, menina de 4 anos encontrou uma pegada de um pequeno dinossauro incrustrada em uma rocha. O caso aconteceu durante uma caminhada da filha com o pai e o cachorro, em uma praia no país de Gales, Reino Unido.

A pequena se chama Lily Wilder, e sua descoberta despertou muitos paleontólogos que estimam que a pegada seja de 220 milhões de anos.

Em uma entrevista a NBC News, a família da menina detalhou a descoberta.  “Estava em uma rocha baixa, na altura dos ombros de Lily, e ela apenas viu e disse, ‘olha, papai’”, disse sua mãe, Sally Wilder. “Ela está muito animada, mas não entende como isso é incrível.”

Como a descoberta é recente, ainda não é possível falar o tipo exato do dinossauro, mas já estão sendo especulações. Para a curadora de paleontologia do Museu Nacional de Gales, Cindy Howells, é provável que a pegada tenha sido feita por um dinossauro com cerca de 75 centímetros de altura e 2,5 metros de comprimento.

Jornal Midiamax