Mundo

Deslizamento de terra deixa cinco mortos e 120 desaparecidos na China

Desastre ocorreu neste sábado

Joaquim Padilha Publicado em 24/06/2017, às 11h49

None

Desastre ocorreu neste sábado

Um delizamento teria deixado dezenas de casa destruídas e pelo menos 120 pessoas desaparecidas na província de Sichuan, sudoeste da china. O desastre ocorreu neste sábado (24). Segundo a agência de notícias France-Presse, há pelo menos cinco mortes confirmadas.

As autoridades do condado de Maoxian comunicaram que o incidente aconteceu após a parte alta de uma montanha cair sobre a aldeia de Xinmo, por volta das 6h no horário da China (18h da sexta-feira no horário de Mato Grosso do Sul).

Os jornais estrangeiros falam em 62 pessoas soterradas com o deslizamento. As rochas sepultaram pelo menos dois quilômetros do curso de um rio e 1,6 quilômetros de uma estrada.

O deslizamento teria ocorrido devido às intensas chuvas que caíram na região. Deslizamentos como esses são comuns na China nessa época do ano, assim como inundações e outras catástrofes climáticas.Deslizamento de terra deixa cinco mortos e 120 desaparecidos na China

O presidente da China, Xi Jinping, ordenou uma operação de nível mais alto de resposta de socorro ao desastre. Mais de mil homens das forças militares chinesas estão sendo deslocados para as missões de resgate.

Pelo menos três pessoas de uma mesma família foram resgatadas dos sedimentos cinco horas após o deslizamento. Elas foram levadas a um hospital sem ferimentos graves, e contaram às autoridades que um outro filho da família permaneceu soterrado na casa.

(com supervisão de Evelin Cáceres)

Jornal Midiamax