MidiaMAIS / Famosos

O que rolou? João Luiz foi eliminado com rejeição maior que a de Rodolffo: 'nunca vou aceitar'

Porcentagem da saída do professor está gerando burburinho na web

João Ramos Publicado em 23/04/2021, às 07h55

Rodolffo Matthaus e João Luiz protagonizaram um dos maiores barracos da temporada
Rodolffo Matthaus e João Luiz protagonizaram um dos maiores barracos da temporada - (TV Globo)

Quantas reviravoltas! O BBB 21 continua mostrando sua capacidade de reinvenção, apesar do final óbvio, o público segue alterando suas percepções sobre os coadjuvantes da casa.

Depois de ter sido eliminado do reality com 50,48% há duas semanas, o sertanejo Rodolffo Matthaus deixou o programa principalmente por ter cometido atitudes consideradas racistas com o professor de geografia João Luiz.

16 dias depois, quem saiu da casa mais vigiada do Brasil foi o próprio professor. Antes defendido, querido pelo público e cotado para o pódio da final, João teve sua trajetória encerrada no BBB com rejeição maior que a do sertanejo que acusou de agressão.

Cenários diferentes e sem pesos equivalentes

Quando eliminado, Rodolffo disputava a permanência no Big Brother com seu amigo Caio e o economista Gilberto, ambos com torcidas muito maiores que as de Pocah e Arthur.

Mesmo brigando com peixes grandes, o sertanejo conseguiu uma rejeição mais amena que a de João Luiz, que deixou o reality show na noite desta quinta-feira (22) acumulando 58,86% de rejeição: 8% a mais que Rodolffo.

João dividia a berlinda com Arthur e Pocah, ambos com torcidas pífias aqui fora. Sua porcentagem foi resultado da união de internautas para escorraçá-lo da casa. Esta semana, o MidiaMAIS levantou o que fez o professor de geografia ter perdido sua popularidade, fato que culminou em sua saída na noite passada. 

Segundo internautas, o público começou a perceber que 'só a dor dele importava', fazendo com que o jogo virasse e ele saísse do pódio da final.

Revolta

Apesar da rejeição, alguns telespectadores estão inconformados por João ter sido escorraçado do reality com porcentagem de rejeição maior que a de Rodolffo. Veja:

Jornal Midiamax