MidiaMAIS / Famosos

Por posar nua, juiz decide que Fernanda Young deveria ‘mostrar mais respeito’

Roteirista pedia indenização por ofensas

Joaquim Padilha Publicado em 10/06/2017, às 12h39

None

Roteirista pedia indenização por ofensas

A roteirista Fernanda Young movia há dois anos um processo na Justiça para descobrir quem era o autor de ataques feitos contra ela na internet. Um perfil falso vinha incomodando Fernanda, publicando ofensas, chamando a de vadia entre outras coisas.

O autor dos ataques foi o pernambucano Hugo Leonardo de Oliveira Correa. O juiz Christopher Alexander Roisin, da 11ª Vara Cível de São Paulo, responsável pelo caso, julgou que realmente, o pernambucano teve a intenção de ofender a roteirista.

Mas a pena fixada pelo juiz, de indenização de R$ 5 mil, foi considerada baixa por juristas. Acontece que o juiz questionou a reputação de Fernanda, que já publicou fotos nuas, e disse que ela “deveria mostrar um pouco mais de respeito”.

“O valor leva em conta o fato da autora ter artisticamente posado nua, de modo que sua reputação é mais elástica, inclusive porque se sujeitou a publicar fotografia fazendo sinal obsceno, publicou fotografia exibindo os seios”, afirmou o juiz no documento da decisão.Por posar nua, juiz decide que Fernanda Young deveria 'mostrar mais respeito'

“Ora, uma mulher com tantos predicados como a autora afirma possuir deveria demonstrar, porque formadora de opinião, uma pouco mais de respeito”, concluiu o juiz.

Em resposta, Fernanda Young publicou nesta sexta (9) uma foto com a letra de “Survival”, da Madonna. “Bem, se você me respeitar, então saberá o que esperar. Nunca serei um anjo. Nunca serei uma santa, é verdade. Estou muito ocupada sobrevivendo. Se é céu ou inferno, vou vier para contar”, diz a música.

(com supervisão de Evelin Cáceres)

Jornal Midiamax