MidiaMAIS

Cientista de Aquidauana participa do “Conversa com Bial” nesta quinta

Programa será exibido nesta quinta-feira (7), às 23h45

Mariana Lopes Publicado em 07/06/2018, às 06h28 - Atualizado às 13h18

None

Aos 19 anos e com mais de 60 premiações em feiras de ciências pelo mundo, o aquidauanense Luiz Fernando da Silva Borges é um dos convidados do programa “Conversa com Bial”, desta quinta-feira (7). O assunto debatido com o apresentador, Pedro Bial, é sobre a educação no Brasil.

O jovem concluiu o ensino médio pelo IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul), pólo de Aquidauana, em 2016, onde também teve oportunidade de desenvolver alguns projetos científicos no âmbito acadêmico, o que lhe rendeu os prêmios.

Luiz Fernando já participou diversas vezes de uma das maiores feiras de ciência e tecnologia do mundo, a Intel Isef (Intel International Science and Engineering Fair), onde também foi premiado pelos projetos que apresentou.

Entre os projetos que desenvolveu, ele destaca o primeiro trabalho, realizado em 2013, que trata-se de uma versão melhorada e de menor custo do equipamento que amplifica o DNA. Dois anos depois, em 2015, ele começou a se dedicar a outro projeto, que era uma prótese que permitia às pessoas amputadas poder controlar as juntas e sentir todas sensações dos movimentos.

Mas o grande projeto de Luiz Fernando é um aparelho chamado “Hermes Braindeck”, uma espécie de touca que permite estabelecer uma comunicação entre médicos e pacientes em coma ou estado vegetativo, por meio da audição. Este aparelho foi o segundo colocado em uma competição da Intel Isef , que teve a participação de 1.800 jovens cientistas de 78 países.

Depois desta premiação na feira, Luiz Fernando firmou parceria com o empresário campo-grandense Ricardo Nantes, que patrocinou o projeto. O aparelho está em fase de aprovação de um comitê ético para ser testado em pacientes. Caso seja aprovado, os testes serão realizados na Santa Casa de Campo Grande. O resultado está previsto para sair até o final de maio.

Em 2016, o aquidauanense recebeu a honraria de dar seu nome à um asteroide, pelas suas invenções. A honraria foi concedida a Luiz Fernando pelo Lincoln Laboratory, por ele ter sido vencedor da Intel ISEF. O projeto dele foi o melhor entre os alunos do ensino médio do hemisfério sul, não só do ano, mas de toda a história da feira até 2016, quando estava na 68ª edição.

Programa

O programa “Conversa com Bial” será exibido nesta quinta-feira (7), a partir das 23h45 (horário de Mato Grosso do Sul). Luiz Fernando participa dos dois últimos blocos, nos quais fala sobre sua experiência em desenvolvimento em pesquisas em engenharia biomédica durante o ensino médio. Ele entra após a entrevista com Cao Hamburger, criador de Castelo Rá-Tim-Bum, que também falou sobre o sistema educacional no Brasil.

Jornal Midiamax