MidiaMAIS

Modelo com vitiligo é destaque em passarela de Nova York

Winnie Harlow foi a sensação no desfile da marca espanhola Desigual na quinta-feira

Clayton Neves Publicado em 13/02/2015, às 11h59

None
05-150213-ny-desigual-winnie-harlow-vitiligo-andrea-dandrea.jpeg

Winnie Harlow foi a sensação no desfile da marca espanhola Desigual na quinta-feira

A grife Desigual chamou a atenção na última quinta-feira (12) ao mostrar sua coleção no primeiro dia de desfiles da semana de moda de Nova York com a modelo Winnie Harlow, que tem vitiligo. A modelo canadense de 20 anos sofre da doença de pele que causa manchas em várias partes do corpo. É uma doença degenerativa que afeta significativamente a aparência, porque os melanócitos, responsáveis pela pigmentação da pele, desaparecem e deixam de produzir melanina. Isso resulta em uma pele muito mais clara com as manchas de tons naturais.

Winnie se considera uma mulher de sorte por ser um exemplo para outras pessoas com a mesma doença. Ela brinca dizendo  que “algumas pessoas têm a pele clara, outras tem a pele escura e eu tenho as duas”.

A Desigual diz que a contratação de Winnie, em julho do ano passado, tem tudo a ver com a diversidade, o que sempre foi exaltado pela marca. “Temos muito claro que as diferenças são o tempero da vida, o que faz este mundo girar e ser tão maravilhoso. E, felizmente, todos nós somos diferentes. Temos que celebrar e valorizar o original. A modelo traz essas diferenças para as passarelas e campanhas publicitarias.” 

Antes do desfile na semana de moda de Nova York, Winnie pousou para o catalogo da coleção de outono-inverno da Desigual, acaba de desfilar na semana de moda de Madri e é considerada a atual embaixadora da marca.

A brasileira Barbara Fialho também cruzou a passarela. Ela exibiu peças coloridas da grife, como saia longa e vestido.

Na plateia, a Desigual contou com a atriz Katie Holmes e a modelo e angel Adriana Lima, garota-propaganda da marca.

Jornal Midiamax