Geral

Relatório da CPI da Homex da Câmara de Campo Grande tem 54 páginas e começa a ser lido

Membros da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Homex estão reunidos na tarde desta segunda-feira (28) na Câmara de Campo Grande para realizar a leitura das 54 páginas do relatório sobre as investigações das atividades da empreiteira em Mato Grosso do Sul. Proprietários de apartamentos que apresentaram problemas presenciam a leitura do relatório, que pode […]

Arquivo Publicado em 28/04/2014, às 17h49

None

Membros da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Homex estão reunidos na tarde desta segunda-feira (28) na Câmara de Campo Grande para realizar a leitura das 54 páginas do relatório sobre as investigações das atividades da empreiteira em Mato Grosso do Sul.


Proprietários de apartamentos que apresentaram problemas presenciam a leitura do relatório, que pode indiciar possíveis responsáveis pelos problemas.


Márcio Nascimento mora com a esposa desde 2011 no Arara Azul, na saída para Três Lagoas, e diz que desde que entrou no apartamento enfrenta problemas.


“Com as chuvas, as paredes infiltraram e ficaram tortas, como o piso. Tudo está mofado e não podemos quebrar as paredes para não comprometimento da estrutura do prédio. Todos os reparos que pudemos fazer pagamos do nosso bolso”, explicou.


Ele e outros moradores entraram com uma ação contra a Caixa Econômica Federal solicitando apartamentos novos. Márcio e a mulher pagam pelo apartamento, em um financiamento de 30 anos.


O advogado dos moradores, João Ferraz, acompanha a sessão. O vereador Alceu Bueno (PSL) é o presidente da Comissão, Carlão (PSB) é o relator, Airton Araújo (PT), Otávio Trad (PT do B ) e Edson Shimabukuro (PTB) são membros.

Jornal Midiamax