Geral

Por vingança, homem ataca diplomata russo e sua mulher no Sudão

O cônsul-geral da Rússia e sua mulher foram esfaqueados em Cartum, capital do Sudão, nesta terça-feira (28), segundo informou a agência de notícias Reuters. O autor do crime seria um homem da República Centro-Africana, de acordo com informações da polícia, que teria aproveitado para se vingar de ocidentais –o casal russo– ao saber que seu […]

Arquivo Publicado em 28/01/2014, às 21h01

None

O cônsul-geral da Rússia e sua mulher foram esfaqueados em Cartum, capital do Sudão, nesta terça-feira (28), segundo informou a agência de notícias Reuters.

O autor do crime seria um homem da República Centro-Africana, de acordo com informações da polícia, que teria aproveitado para se vingar de ocidentais –o casal russo– ao saber que seu irmão havia sido morto por tropas europeias em seu país natal.

Um comunicado da polícia afirma que tanto o diplomata quanto sua mulher passam bem, após o ataque.

“Não havia outro motivo a não ser uma vingança pela morte de seu irmão”, diz o comunicado.

A embaixada russa em Cartum informou que não podia se pronunciar sobre o ocorrido, e o Ministério das Relações Exteriores da Rússia não comentou o caso, até o momento.

Jornal Midiamax