Geral

Delcídio reafirma que quer candidato a vice do PSB

O candidato a vice-governador na chapa do senador Delcídio do Amaral (PT) pode sair do PSB, PDT ou PR. Segundo o pré-candidato petista, ele próprio ofereceu o cargo para o PSB indicar um nome que represente Dourados. Além disso, ele confirmou que PDT e PR estariam na ‘briga’. Delcídio falou sobre as conversas com os partidos […]

Arquivo Publicado em 12/04/2014, às 14h32

None
1657049804.jpg

O candidato a vice-governador na chapa do senador Delcídio do Amaral (PT) pode sair do PSB, PDT ou PR. Segundo o pré-candidato petista, ele próprio ofereceu o cargo para o PSB indicar um nome que represente Dourados. Além disso, ele confirmou que PDT e PR estariam na ‘briga’.

Delcídio falou sobre as conversas com os partidos que podem indicar o vice dele durante coletiva na manhã deste sábado (12), em Campo Grande. Ele disse que o PR ‘fez questão’ de registrar o interesse na vaga. “O PDT também tem interesse e quer discutir ainda as proporcionais”, lembrou.

Ainda sobre a vaga de candidato a vice-governasdor na chapa petista, ele lembrou do encontro com o prefeito de Dourados e presidente regional do PSB, Murilo Zauith, mas disse que depende de uma resposta. “Pedi a ele que indicasse um nome que represente Dourados do PSB ou de outro partido, mas o PSB pode lançar a Tatiana como candidata ao Governo”, pontuou.

Proporcionais

Segundo o senador, a coligação de centro-esquerda com o PDT, PCdoB, PV, Pros, PTC e PR, que tenta costurar, deve levar em conta a necessidade dos partidos de espaço nas eleições proporcionais. “As possibilidades para se eleger deputados estaduais e federais são mais favoráveis com o PT do que com o PMDB”, comparou.

“Lá já tem algumas cadeiras marcadas”, afirmou em referência aos nomes do PMDB que devem disputar a reeleição nos legislativos estadual e federal.

Jornal Midiamax