Geral

#CGR115: Quer trocar de carro? Avenida de Campo Grande reúne mais de 60 garagistas

O campo-grandense conta com diversos polos de mercado, isto é, ruas com lojas especializadas em determinado seguimento. Um dos mais procurados e conhecidos na Capital é o da Avenida Bandeirantes, cuja especialidade é o setor de vendas de automóveis. Ao longo de três quilômetros é possível encontrar mais de 60 garagens, uma ao lado da […]

Arquivo Publicado em 10/08/2014, às 13h53

None
1480961063.jpg

O campo-grandense conta com diversos polos de mercado, isto é, ruas com lojas especializadas em determinado seguimento. Um dos mais procurados e conhecidos na Capital é o da Avenida Bandeirantes, cuja especialidade é o setor de vendas de automóveis. Ao longo de três quilômetros é possível encontrar mais de 60 garagens, uma ao lado da outra. Assim, isso dá ao consumidor a opção de consultar preços e também de pechinchar.

De acordo com um dos pioneiros da região (35 anos com lojas na Bandeirantes), Antônio Luiz Soares, o principal motivo dessa concentração de garagens se deve à visão empreendedora dos concorrentes, ou seja, na época em que se vendia muitos carros usados também se ganhava dinheiro. “A prosperidade dos pioneiros foi atraindo os demais. Acho que foi isso que puxou tantas garagens para cá”.

Entretanto, Soares diz que esse período próspero já passou e, por isso, a chegada de novas lojas de carros estagnou. “Antigamente nós vendíamos até 100 carros por mês. Hoje vendemos apenas 15”, revela.

Nesse mesmo sentido, o empresário Ademar Vieira Lopes afirma que o “bum” de garagens na região aconteceu na época que em que os bancos liberaram financiamentos para carros usados. Segundo este lojista, a maior diferença entre as lojas de carros da Bandeirantes e do Centro da Capital é a necessidade, no primeiro caso, de se profissionalizar, isto é, entender de mercado, mecânica e de vendas.

Um outro comerciante da região, Edvaldo Ferreira, mais conhecido como “Diogo”, ressalta que a maior vantagem para quem tem lojas nesta avenida é a atratividade, ou seja, atrai muitos compradores de carros porque eles sabem que terão muitas opções de escolha.

Já para os consumidores essa variedade de lojas também é muito benéfica. Segundo o administrador, Jackson Pereira, o comprador consegue escolher o automóvel com muita facilidade. “Já comprei 4 carros aqui nessa rua. Venho com calma e fico analisando a melhor opção”, conta.

Para um funcionário de um posto de gasolina (localizado na Bandeirantes) que só compra carro na região, Sebastião Tenório, o movimento que as garagens proporcionam também é bom para os vizinhos de outros ramos de negócio. Porém, ele adverte que o número de garagens desta avenida está diminuindo pela facilidade de compra dos carros novos. “Só aqui ao redor já fecharam 4 lojas”, conclui.

Aniversário de Campo Grande


Em comemoração do aniversário de 115 anos de Campo Grande, o  Midiamax realizou uma série de reportagens sobre os diferentes núcleos de mercado existentes na Capital. Acompanhe na próxima segunda a reportagem sobre as lojas de móveis da Rua Marechal Rondon.



Jornal Midiamax