Geral

Ronaldinho marca e garante título do Flamengo na Taça Guanabara

Até então sem brilho desde sua chegada Flamengo, Ronaldinho apareceu em momento decisivo e marcou, de falta, o gol que deu a vitória ao time por 1 a 0 sobre o Boavista, na decisão da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro.

Arquivo Publicado em 27/02/2011, às 20h12

None
564418382.jpg

Até então sem brilho desde sua chegada Flamengo, Ronaldinho apareceu em momento decisivo e marcou, de falta, o gol que deu a vitória ao time por 1 a 0 sobre o Boavista, na decisão da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro.

Até então sem brilho desde sua chegada Flamengo, Ronaldinho apareceu em momento decisivo e marcou, de falta, o gol que deu a vitória ao time por 1 a 0 sobre o Boavista, na decisão da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro. A partida foi disputada neste domingo (27), no estádio do Engenhão.


Com a conquista, o time rubro-negro já está classificado para a decisão da competição. Caso ganhe também o troféu do segundo turno, a equipe da Gávea ganhará o título estadual por antecipação.


O jogo


O técnico Vanderlei Luxemburgo optou por escalar o Flamengo com um trio ofensivo formado por Bottinelli, Thiago Neves e Ronaldinho, sem um homem fixo na área.


A primeira chance do time surgiu ao 11min. Ronaldinho cruzou, Thiago Neves mergulhou para cabecear e Thiago espalmou para escanteio. Três minutos depois, após jogada trabalhada, Léo Moura apareceu livre na cara do gol, mas chutou para fora.


Depois de um período de calmaria, o Flamengo só voltou a ameaçar o gol do Boavista aos 40min. Maldonado acertou belo lançamento para Bottinelli. O argentino foi até a linha de fundo e cruzou, mas ninguém conseguiu aproveitar.


Aos 42min, o Boavista chegou com perigo pela primeira vez. Maldonado escorregou na intermediária e deixou a bola com Leandro Chaves, que chutou para o gol. Felipe espalmou para escanteio.


Antes do intervalo, o Flamengo exerceu uma intensa pressão. Aos 44min, Wellinton ficou com a bola após cobrança de escanteio, mas chutou mal e perdeu a chance.


Para o início do segundo tempo, Luxemburgo sacou Bottinelli e colocou Negueba para tentar dar mais velocidade às ações ofensivas do time. A primeira boa jogada do jovem aconteceu aos 13min. Ele passou por Edu Pina e tentou cruzamento para Thiago Neves, que não alcançou a bola.


Como o jogo continuava sem gols, Vanderlei Luxemburgo fez mais uma modificação no time aos 16min. O técnico rubro-negro sacou o lateral Egídio e colou o atacante Diego Maurício, deslocando Renato Abreu para o lado esquerdo.


Mas quem decidiu o jogo foi Ronaldinho. Aos 26min, o meia cobrou falta sofrida por Thiago Neves e correu para comemorar antes de a bola entrar.


Aos 33min, o atacante Frontini, do Boavista, foi expulso após revidar um chute de Renato Abreu e diminuiu aas chances de reação da equipe de Saquarema.

Jornal Midiamax