Geral

População de Dourados poderá consultar processos da prefeitura na internet

A partir de março, qualquer cidadão que tenha algum tipo de processo tramitando na Prefeitura de Dourados, poderá consultar o andamento através da internet. Neste caso, as pessoas não precisam mais ir até a prefeitura para saber informações simples, que podem ser resolvidas facilmente. O secretário municipal de Governo, Maurício Rasslan, explica que o sistema […]

Arquivo Publicado em 07/02/2011, às 23h58

None

A partir de março, qualquer cidadão que tenha algum tipo de processo tramitando na Prefeitura de Dourados, poderá consultar o andamento através da internet. Neste caso, as pessoas não precisam mais ir até a prefeitura para saber informações simples, que podem ser resolvidas facilmente. O secretário municipal de Governo, Maurício Rasslan, explica que o sistema vai facilitar muito a vida da população. Por enquanto, o sistema vai funcionar apenas para os novos processos que deram entrada na prefeitura.


Na página da prefeitura na internet (www.dourados.ms.gov.br) a pessoa poderá buscar a parte que reservada para “processos” e buscar a informação sobre a fase que se encontra o seu pedido na prefeitura e a secretaria onde está tramitando o documento. Quando a pessoa entrar com o processo na prefeitura, ela receberá uma senha, que será utilizada para buscar informações através da internet.


De acordo com Maurício Rasslan, a medida é apenas o começo do processo de modernização da Prefeitura de Dourados. Futuramente, a previsão é que o morador, através da internet, faça ele próprio o requerimento do serviço que deseja, sem precisar ir até a prefeitura. Na sexta-feira, o secretário reuniu com o setor administrativo da prefeitura para explicar o funcionamento do novo sistema.


PNAFM


Com a segunda etapa do PNAFM (Programa Nacional de Apoio à Modernização Administrativa e Fiscal dos Municípios), cuja autorização para contratação de empréstimo já está na Câmara para ser votada, a prefeitura dará um salto na modernização de todo o sistema de informática. “Trata-se de uma linha de crédito instituída pelo governo brasileiro para apoiar os municípios a alcançarem a auto-sustentação financeira através da modernização da máquina administrativa”, explica o secretário de Governo.


A linha de crédito é de R$ 6,6 milhões e a contrapartida, no valor de R$ 300 mil, já foi incluída no orçamento do município para 2011.


Conforme o secretário, com os recursos será possível modernizar o sistema de informática da prefeitura, ampliar a capacitação dos servidores, além de permitir a continuidade de implantação do sistema de geoprocessamento e o banco de dados multifinalitário, um grande avanço na questão do cadastro de imóveis e demais informações do município.

Jornal Midiamax