Geral

Valter Pereira vence Moka em Dourados, segundo maior colégio eleitoral de MS

Por uma diferença de 65 votos, o senador levou a melhor na disputa do PMDB que vai escolher o candidato ao Senado ; já em Campo Grande, maior colégio eleitoral, o deputado venceu nas primeiras três urnas abertas

Arquivo Publicado em 07/03/2010, às 19h34 - Atualizado em 18/07/2020, às 00h36

None

Por uma diferença de 65 votos, o senador levou a melhor na disputa do PMDB que vai escolher o candidato ao Senado ; já em Campo Grande, maior colégio eleitoral, o deputado venceu nas primeiras três urnas abertas

O senador Valter Pereira venceu o deputado federal Waldemir Moka na disputa pela vaga a candidatura ao Senado pelo PMDB, em Dourados, segundo maior colégio eleitoral de Mato Grosso do Sul.

Valter obteve 278 votos contra 213 de Moka. Menos de 15% dos filiados do PMDB de Dourados foram às urnas. Lá o partido possui 3.980 filiados militantes.

Moka era apoiado pelas principais lideranças peemedebistas da região, um deles o deputado federal Geraldo Resende.

O PMDB possui ao menos 40 mil militantes, e o comando do partido acha que entre 8 mil e 12 mil foram às prévias.

Em Campo Grande, maior colégio eleitoral, ao menos 2,5 mil filiados do PMDB votaram, segundo os dirigentes do partido.

Pela manhã, o senador Valter Pereira acusou os simpatizantes do deputado Moka por compra de vota. O parlamentar não quis comentar a denúncia.

Jornal Midiamax