Geral

Dourados: Procura por transporte rodoviário provoca aumento de frota

Com o final do ano a procura por passagens rodoviárias aumenta consideravelmente. Em Dourados, a empresa que trabalha com destinos dentro de Mato Grosso do Sul foi mais procurada do que as companhias que atendem cidades fora do Estado. Entretanto, em ambos os casos, houve necessidade de colocar ônibus extras. No Estado Quanto às viagens […]

Arquivo Publicado em 21/12/2010, às 16h05

None

Com o final do ano a procura por passagens rodoviárias aumenta consideravelmente. Em Dourados, a empresa que trabalha com destinos dentro de Mato Grosso do Sul foi mais procurada do que as companhias que atendem cidades fora do Estado. Entretanto, em ambos os casos, houve necessidade de colocar ônibus extras.

No Estado

Quanto às viagens intermunicipais, a única empresa que trabalha com esse tipo de rota na cidade chega a aumentar em até 70% a procura. “Campo Grande, Ponta Porã e Amambai, são os mais destinos mais pedidos”, diz José Maria, encarregado da empresa.

A grande procura exige que a empresa aumente significativamente sua frota. “Colocamos de 10 a 12 carros a mais, depende muito da procura, mas até agora já temos uns oito carros programados”, explica José Maria.

Interestadual

A procura por destinos fora do Estado também já aumentou, não tanto quanto os intermunicipais, mas está dentro das expectativas das empresas para o final do ano.

“Aumenta de 15 a 20 % a demanda normal. A procura aumentou desde dia o 17 [deste mês], mas de 21 a 23 são os dias mais solicitados”, diz Francisco Cruz dos Anjos, representante de agência de uma das empresas que trabalha com transporte rodoviário que atende cidades fora do Estado.

Depois que passa o Natal, a procura volta a ser maior entre os dias 26 e 30 de dezembro, em decorrência do Ano Novo. “Após essas datas há uma queda acentuada, mas até o dia 15 de janeiro o movimento é bom”, diz Francisco dos Anjos.

Para suprir toda essa demanda são colocados de dois a três carros por dia a mais na frota dessa empresa.

Com tanta procura o risco de ficar sem passagem para os que deixam para última hora não é pequeno, por isso, o encarregado de agências dá a dica: “programem a compra antecipada, porque no dia da viagem certamente não conseguirão passagem”, diz.

Destinos

Não é só no estado que a capital lidera os destinos mais procurados. Para fora de Mato Grosso do Sul, São Paulo é a cidade mais pedida pelos passageiros.

Depois da capital paulista a procura é por: Presidente Prudente, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Marília, Bauru, Belo Horizonte, Brasília, Uberaba, Uberlândia, São Carlos, Araraquara e Londrina.

Jornal Midiamax