Esportes

Internacional perde do Atlético-GO em casa e se complica por vaga na Libertadores

37.ª rodada do Campeonato Brasileiro

Diego Alves Publicado em 06/12/2021, às 21h23

Assessoria/Internacional
Assessoria/Internacional

O Internacional até saiu na frente do placar, mas levou a virada do Atlético-GO na noite desta segunda-feira, perdeu por 2 a 1, no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), pela 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro e ficou mais distantes da Copa Libertadores 2022.

Foi o quinto jogo seguido sem vitória do Inter, sendo quatro derrotas e um empate, sequência que complicou o time na briga pelo torneio continental. Os gaúchos caíram duas posições e aparecem em 12º lugar, com 48 pontos. Já os goianos ganharam fôlego para disputar a Libertadores, assumindo o nono lugar, com 50 pontos. Mesma pontuação que o América-MG (8º), mas em desvantagem pelo saldo de gols: 2 a -5. O time mineiro, neste momento, é o último classificado à Pré-Libertadores do ano que vem.

O primeiro tempo foi equilibrado e com os dois times no ataque. E quem abriu o placar foi o Internacional, aos 32 minutos, quando Yuri Alberto recebeu cruzamento da esquerda e, com o peito, mandou para as redes, encerrando um jejum de gols de sete partidas na competição.

Mas a vantagem no placar fez mal ao Inter, que não administrou o resultado e sofreu o empate aos 44, quando Baralhas ficou com a bola na intermediária e acertou um lindo chute, no ângulo do goleiro Marcelo Lomba. Os donos da casa ainda estavam digerindo o empate quando, aos 46, o Atlético-GO virou o placar. Arnaldo recebeu livre pela direita e cruzou na medida para Janderson esticar a perna e mandar para o gol, em uma virada inesperada antes do intervalo.

No segundo tempo não restou alternativa ao Internacional, senão sair para o ataque. Palacios tentou de cabeça aos dois minutos e depois num chute forte aos 17. Autor do primeiro gol, Yuri Alberto também tentou aos 26, em uma finalização que desviou na marcação e foi para fora.

Mas o Atlético-GO, cauteloso, também saiu para o jogo e poderia ter feito o terceiro gol aos 30 minutos, quando Willian Maranhão deixou Saravia no chão e finalizou por cima do travessão. A reta final do jogo foi de pressão do Internacional, que abusou das jogadas aéreas, mas parou na forte marcação do rival, que segurou a importante vitória fora de casa.

Pela última e decisiva rodada, que será toda realizada na quinta-feira, às 21h30, o Internacional visitará o Red Bull Bragantino, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), enquanto o Atlético-GO receberá o Flamengo, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 2 ATLÉTICO-GO

INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Saravia (Matheus Cadorini), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Palacios), Edenílson e Patrick (Maurício); Taison e Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

ATLÉTICO-GO - Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Éder, Oliveira e Arthur Henrique (Wanderson); Willian Maranhão, Marlon Freitas (Matheus Barbosa), Baralhas e Rickson (Igor Cariús); Janderson (Ronald) e Montenegro. Técnico: Marcelo Cabo.

GOLS - Yuri Alberto, aos 32; Baralhas, aos 44, e Janderson, aos 46 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Flávio Rodrigues (SP).

CARTÕES AMARELOS - Palacios (Internacional); Rickson e Igor Cariús (Atlético-GO).

PÚBLICO E RENDA - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Jornal Midiamax