Esportes

Garotada volta a brilhar, São Paulo vence Ituano e carimba vaga na semi

GazetaEsportiva O São Paulo conquistou uma grande vitória em Itu na noite desta quarta-feira e se classificou às semifinais do Campeonato Paulista. Jogando no estádio Novelli Júnior, o organizado time tricolor não correu riscos e contou com uma noite inspirada dos garotos de Cotia para derrotar o Ituano por 1 a 0, com gol de […]

Diego Alves Publicado em 27/03/2019, às 21h25 - Atualizado às 21h31

Foto: Antônio Barzaghi
Foto: Antônio Barzaghi - Foto: Antônio Barzaghi

GazetaEsportiva

O São Paulo conquistou uma grande vitória em Itu na noite desta quarta-feira e se classificou às semifinais do Campeonato Paulista. Jogando no estádio Novelli Júnior, o organizado time tricolor não correu riscos e contou com uma noite inspirada dos garotos de Cotia para derrotar o Ituano por 1 a 0, com gol de Liziero, pelo duelo de volta das quartas de final.

Com o resultado, a equipe dirigida de forma interina por Vagner Mancini venceu o confronto pelo placar agregado de 3 a 1. No último domingo, no Morumbi, o São Paulo havia batido o Galo de Itu por 2 a 1.

O adversário do Tricolor nas semifinais será definido somente ao término do duelo entre Corinthians e Ferroviária. A única maneira de o próximo rival não ser o Palmeiras, clube de melhor campanha, é uma classificação do time de Araraquara nos pênaltis. Neste caso, o São Paulo assumiria o terceiro lugar geral e enfrentaria o Santos, segundo colocado. Qualquer outro resultado, o Choque-Rei definirá um dos dois finalistas da competição.

Seja qual for o adversário, o Tricolor fará o jogo de volta das semifinais como visitante. Datas e horários dos confrontos, que acontecerão nos próximos dois finais de semana, serão divulgados na manhã desta quinta-feira, pela Federação Paulista de Futebol.

O Jogo – Os primeiros minutos foram de estudo. Sem precisar se arriscar na frente, o São Paulo apostava nos contra-ataques e se defendia bem das investidas do Ituano. Aos poucos, o duelo ficou truncado e nervoso. Aos 11 minutos, o meia-atacante Morato foi advertido com cartão amarelo por falta em Pablo.

Percebendo a ventania que fazia no estádio, Vagner Mancini pediu para Igor Gomes arriscar de fora da área. Aos 27, o meia atendeu o pedido do treinador, mas o chute foi para fora. Pablo imitou o companheiro e tentou do meio-campo, quase surpreendendo o goleiro Pegorari.

Aos 42 minutos, o São Paulo voltou a assustar. Antony recebeu lançamento, arrancou pela direita e cruzou rasteiro. A bola ia chegando em Pablo, mas o zagueiro Léo Santos interceptou o passe e evitou o gol tricolor. Pouco depois, o Ituano respondeu: após Morato levantar na área, Ricardo Silva preparava o cabeceio quando Pablo apareceu para afastar o perigo.

Precisando do resultado, o Galo de Itu voltou mais ofensivo para a etapa final. Aos três minutos, Martinelli recebeu na área, girou para cima de Hudson, mas bateu fraco e facilitou a defesa de Tiago Volpi. Na sequência, o goleiro são-paulino voltou a trabalhar em cabeçada perigosa de Ramon.

Passada a pressão inicial, o Tricolor foi tomando conta do jogo e abriu o placar aos 26 minutos. Após arrancar pela direita, Antony cruzou para Pablo, que ajeitou e bateu em cima do zagueiro. Mas Liziero pegou o rebote dentro da área finalizou de primeira, acertando o canto direito de Pegorari, que não alcançou.

Para segurar o triunfo, Mancini colocou Jucilei e Helinho nas vagas de Liziero e Everton Felipe. Já Reinaldo saiu com dores para a entrada de Léo. Com o domínio da posse de bola, o São Paulo não correu riscos no fim do jogo e administrou bem a vantagem para confirmar a vaga nas semifinais.

FICHA TÉCNICA

ITUANO 0 X 1 SÃO PAULO

Local: estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)

Data: 27 de março de 2018, quarta-feira

Horário: 18h15 (de Brasília)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Bruno Salgado Rizo

Público: 9.028 pagantes

Renda: R$ 353.630,00

Cartão Amarelo: Morato e Gui Mendes (Ituano); Everton Felipe, Pablo e Antony (São Paulo)

Cartão Vermelho: –

Gol:

SÃO PAULO: Liziero, aos 26 minutos do 2º tempo

ITUANO: Pegorari; Jonas, Ricardo Silva, Léo Santos e Peri; Baralhas, Corrêa (Marcelinho) e Bassani (Gui Mendes); Ramon (Guilherme), Morato e Martinelli.

Técnico: Vinicius Bergantin

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Hudson, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo (Léo); Luan, Liziero (Jucilei) e Igor Gomes; Antony, Pablo e Everton Felipe (Helinho)

Técnico: Vagner Mancini

Jornal Midiamax