Esportes

Goleiro Bruno vai dar aulas de futebol para crianças para reduzir pena

Ex-goleiro será liberado todos os dias da prisão

Joaquim Padilha Publicado em 03/08/2017, às 10h55

None

Ex-goleiro será liberado todos os dias da prisão

O goleiro Bruno Fernandes de Souza, condenado pela morte de Eliza Samúdio, irá dar aulas de futebol para crianças e adolescentes para reduzir sua pena, após autorização da Justiça. O futebolista irá trabalhar de segunda a sexta-feira.

As aulas serão dadas no Nucap (Núcleo de Capacitação para a Paz), em Varginha, local que atende cerca de 60 crianças e adolescentes filhos de detentos e ex-detentos.

O goleiro não poderá ter acesso à área externa ou pessoas estranhas à organização, exceto familiares. Um representante da instituição irá buscá-lo dentro do pátio do presídio para dar as aulas de futebol.

Bruno já tinha sido autorizado antes pela Justiça para trabalhar com o futebol, jogando profissionalmente pelo Boa Esporte. A passagem pelo time de Varginha durou apenas dois meses, pois a Corte decidiu que Bruno voltasse à prisão.Goleiro Bruno vai dar aulas de futebol para crianças para reduzir pena

O Nucap tem como objetivo promover a ressocialização de presidiários. No local, mães detentas podem conviver com os filhos longe do ambiente prisional.

Bruno, ex-goleiro do Flamengo, está preso desde 2010, acusado de se envolver no assassinato de Eliza Samudio. Ele foi condenado por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver contra a ex-amante, além de sequestre e cárcere privado do filho que teve com Eliza.

Jornal Midiamax