Esportes

Ex-lutador do UFC é condenado a prisão perpétua por espancar namorada

Atriz pornô chegou a ser internada

Joaquim Padilha Publicado em 06/06/2017, às 11h05

None

Atriz pornô chegou a ser internada

O ex-lutador do UFC, Bellator Jonathan Koppenhaver, mais conhecido como “War Machine”, foi sentenciado à prisão perpétua por espancar sua ex-namorada, a atriz pornô Christy Mack.

Bellator é mantido em prisão desde agosto de 2014, após fugir do FBI por dias. Ele já havia sido condenado por cometer 29 crimes contra sua ex-namorada, mas sua sentença só foi expedida nesta segunda-feira (5).

Entre os crimes estão tortura, tentativa de assassinato, sequestro, tentativa de estupro e diversos atos de violência praticados contra Christy. A atriz chegou a ficar hospitalizada por dias antes da prisão do ex-namorado.

Apesar da condenação ser perpétua, Bellator poderá entrar com pedido de liberdade condicional após 36 anos de regime fechado. Até lá ele terá 71 anos. Ex-lutador do UFC é condenado a prisão perpétua por espancar namorada

Em seu último depoimento emocionada à Justiça norte-americana, Christy pediu que os advogados conseguissem penas duras ao ex-namorado.

“Não sei quanto tempo ele merece ficar preso. Não sei em quanto tempo eu me sentirei bem ou segura. Posso dizer que quando ele sair, ele vai me matar”, disse a atriz.

(com supervisão de Evelin Cáceres)

Jornal Midiamax