Esportes

Time dos Emirados Árabes anuncia acerto com Valdivia

Jogador encerrará seu contrato com o time brasileiro após o término da Copa América

Isaias Domingues Publicado em 25/06/2015, às 17h59

None
valdivia.jpg

Jogador encerrará seu contrato com o time brasileiro após o término da Copa América

O Al Wahda, dos Emirados Árabes Unidos, anunciou em seu site oficial o acerto com o chileno Valdivia, do Palmeiras. De acordo com o clube, o jogador encerrará seu contrato com o time brasileiro após o término da Copa América e viajará para a Ásia para realizar exames antes de assinar o acordo.

“O Al-Wahda se prepara assinar com a estrela internacional chilena Jorge Valdivia (31 anos), depois que foi acordado todos os itens do contrato entre as partes. Aguardamos a conclusão da Copa América, no Chile, para que ele possa terminar seu contrato com o ex-clube Palmeiras, que termina em agosto, e fazer os exames médicos para completar o acerto”, escreveu o clube.

Apesar do anúncio feito pela equipe dos Emirados Árabes, a assessoria de imprensa de Valdivia ainda não confirma o acordo.

Em sua segunda passagem pelo Palmeiras, Valdivia atuou em 147 partidas. As lesões, no entanto, impediram uma sequência maior do meia no clube brasileiro. No final do último ano, o chileno, mesmo machucado, foi fundamental na campanha que evitou o rebaixamento do clube alviverde no Campeonato Brasileiro.

Essa será a segunda vez que Valdivia jogará nos Emirados Árabes. Depois de sua primeira passagem pelo Palmeiras, entre 2006 e 2008, o chileno se transferiu para o Al Ain, onde ficou por duas temporadas.

No Palmeiras, Valdivia conquistou o Campeonato Paulista, em 2008, a Copa do Brasil, em 2012, e o Campeonato Brasileiro Série B, em 2013.

Atualmente, Valdivia está com a seleção chilena participando da Copa América. O meia é um dos destaques da equipe que eliminou o Uruguai, na última quarta-feira (24), e se classificou para a semifinal do torneio.

Recentemente, o Al Wahda apresentou o meia Denílson, que estava no São Paulo e foi contratado por 3,1 milhões de euros (aproximadamente R$ 10,8 milhões).

Jornal Midiamax