Esportes

Rio 2016 anuncia 6 cidades aptas a receber jogos de futebol

O anúncio não significa que as cidades estão confirmadas

Clayton Neves Publicado em 12/02/2015, às 14h48

None
esportes-olimp-rio2016-nomes.jpg

O anúncio não significa que as cidades estão confirmadas

O comitê organizador do Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro anunciou nesta quinta-feira seis cidades que estão pré-selecionadas para receber jogos de futebol no evento de 2016. São elas: o próprio Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Brasília e Manaus.

O anúncio desta quinta não significa que as cidades estão confirmadas. A decisão dependerá de um aval da Fifa e da definição de quantas sedes serão necessárias para a realização do torneio.

Em um primeiro momento, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Salvador apresentaram propostas para receber os jogos de futebol – Porto Alegre e Fortaleza fizeram um esforço inicial, mas não prosseguiram. Manaus surgiu na reta final e ganhou o posto. O governador do estado,  José Melo, já garantia na quarta-feira a capital amazonense nos Jogos,fato que o presidente do comitê organizador, Carlos Arthur Nuzman, nega.

“Estamos encaminhando agora para a decisão final da Fifa”, explicou Nuzman, que acredita em uma definição até março. “Agora aguardaremos. São todas cidades que foram sucesso na Copa do Mundo e foram reconhecidas pela Fifa”, complementou.

Também presente no evento, o presidente da CBF, José Maria Marin, prometeu lutar pela aprovação das seis sedes. “Se o comitê está sugerindo essas cidades, cabe a nós trabalharmos para que essas sugestões sejam aprovadas. Houve critérios e vamos lutar junto à Fifa para que elas sejam aprovadas”, disse.

Além da definição de sedes, fica a expectativa por conta dos estádios a serem escolhidos no Rio de Janeiro e em São Paulo. Maracanã e Arena Corinthians devem ser os escolhidos, mas Engenhão e Allianz Parque correm por fora.

O torneio de futebol masculino contará com 16 países, com quatro chaves de quatro seleções, do dia 4 a 20  de agosto. Já o feminino, terá 12 seleções, nos mesmos moldes, com início no dia 3 e final, no dia 19 de agosto. Nuzman, por sua vez, quer que o sorteio das chaves seja realizado no Brasil e pedirá à Fifa “para que todos nós estejamos próximos uns dos outros”.

Jornal Midiamax