Cotidiano / Economia

Dia das Crianças: Procon/MS encontra variação de até 257% no preço de brinquedos

Brinquedo mais caro custa R$ 809,99 e o mais barato R$ 9,99

Renata Barros Publicado em 06/10/2021, às 08h23

Pesquisa entre lojas é importante para quem quer economizar na hora de escolher os brinquedos da criançada
Pesquisa entre lojas é importante para quem quer economizar na hora de escolher os brinquedos da criançada - Foto: Divulgação/Procon-MS

O Procon de Mato Grosso do Sul divulgou nesta quarta-feira (6) pesquisa com a variação de brinquedos comercializados nos estabelecimentos de Campo Grande. Com a proximidade do Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro, a procura por esses itens no comércio aumenta. Mas, atenção pais e responsáveis, pois a variação de um mesmo brinquedo entre as lojas pode chegar a 257,39%.

Seis estabelecimentos foram consultados, totalizando 182 produtos analisados, sendo 116 desses divulgados na pesquisa.

[Colocar ALT]
Boneca interativa é o brinquedo mais caro da lista. Foto: Reprodução

De todos os brinquedos analisados, o mais caro é a boneca Baby Alive Lulu Achoo, que interage com a criança, emitindo sons, se movimentando e até mudando de luz para sinalizar mal-estar. A boneca chega a custar R$ 809,99 na loja Ri Happy, mas pode ser encontrada também por R$ 799,99, o que representa uma variação de apenas 1,25% entre a loja mais cara e mais a “barata”.

Nove produtos apresentaram variação maior que 100%, ou seja, maior que o dobro do valor mais em conta. Entre eles estão os queridinhos da criançada e popularizados por filmes: os bonecos de super-heróis.

Os bonecos do Pantera Negra, Capitão América, Homem de Ferro e Homem Aranha apresentam variação de 209,90%, 207,17%, 168,77% e 142,88%, respectivamente.

Maiores variações

O boneco do Pantera Negra de 30 centímetros pode ser encontrado custando R$ 216,90 (Pirlimpimpim), mas também por R$ 69,99 (Americanas). Já o Capitão América de mesmo tamanho é oferecido por R$ 214,99 (Toni Toys) e R$ 69,99 (Americanas). O Homem de Ferro custa R$ 214,99 (Toni Toys), mas na Havan custa R$ 79,99. E o Homem Aranha, pode ser encontrado por R$ 169,99 (Ri Happy) e R$ 69,99 (Americanas).

A maior variação entre preços foi do Patinete Skatenet Max para maiores de 2 anos, que custa R$ 139, 90 (Havan), mas também pode chegar a R$ 499,99 (Toni Toys).

Menores preços

[Colocar ALT]
Estimular o raciocínio e economizar, uma boa combinação, não? Foto: Reprodução

Entre os itens com menores preços estão massinha de modelar, bonecas e jogos de lógica. Embora esteja entre os produtos com maior variação (106,74%), a Barbie Bailarina também é um dos brinquedos com menor preço da pesquisa, podendo ser encontrada por R$ 29,99 na Americanas.

O brinquedo com menor preço da lista é o minifiguras básicas do Batman, que custa R$ 9,99 na Ri Happy. Para estimular o raciocínio da garotada e de quebra economizar alguns reais, o quebra-cabeça Cilada da Estrela custa R$ 29 no Paulistão. Já o kit de massinha de modelar Super Massa é ofertado por R$ 39,90 na Pirlimpimpim.

Pesquisar para economizar

O superintendente do Procon/MS, Marcelo Salomão, ressalta a importância da pesquisa antes de comprar. “É fundamental que o consumidor pesquise. Dessa forma, ele consegue ter uma economia, além do que, tivemos uma variação altíssima de 250% do mesmo produto. Mas, além disso, é fundamental que o consumidor teste o produto antes de comprar, tenha cuidado com a venda casada, para que ele não tenha um prejuízo posterior em um dia tão importante que o Dia das Crianças”, afirma.

Por isso, vale a pena dar uma andada para encontrar os preços mais baratos. Ou seriam os menos caros?

Jornal Midiamax