Cotidiano / Economia

Colheita de milho já chega a metade das lavouras de MS

Região norte está mais atrasada

Midiamax Publicado em 10/08/2016, às 17h20

None
milho-aprosojams.jpg

Região norte está mais atrasada

A colheita do milho 2ª safra já chegou a 50,3% das lavouras de Mato Grosso do Sul, segundo o SigaMS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio), ferramenta desenvolvida pela Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul). Na última semana, a evolução do processo foi de aproximadamente 12,4%, ou seja, 195 mil hectares.

A região sul está com porcentagem média de área colhida em torno de 51,5%, enquanto a região centro está com 41,6%. A estimativa de área colhida total, acompanhada pelo projeto Siga MS, é de aproximadamente 792 mil hectares.

Ao sul, os municípios de Amambai e Aral Moreira são os mais avançados, com mais de 70% da área colhida.

Colheita de milho já chega a metade das lavouras de MSAo norte, o município de Pedro Gomes tem 75% da área colhida, sendo o município mais avançado nessa região. Já as cidades de Sonora e Coxim, na mesma região, aparecem logo em seguida, com 70% da colheita concluída. Ainda compõem o norte produtor do Estado as cidades de Bandeirantes (45%), Chapadão do Sul (60%), Costa Rica (55%), Paraíso das Águas (55%) São Gabriel do Oeste (60%) e Camapuã (0%), cuja previsão é de início da colheita nesta semana.

No centro do Estado, a cidade com colheita mais avançada é Rio Brilhante, com índice de 50,3%. Em seguida está Nova Alvorada do Sul, com 41,6%, Campo Grande e Sidrolândia, ambas com 38%, e Terenos e Jaraguari com 35% da área colhida.

Em relação à produção, a projeção é de 6,2 milhões de toneladas para o Estado, com produtividade média de 59,9 sc/ha. Esses números indicam que, em relação à safra de milho 2014/15, configura-se queda de 31,83% na produção, uma vez que Mato Grosso do Sul produziu 9,1 milhões de toneladas na última safra.

Jornal Midiamax