Cotidiano / Consumidor

LISTA: Na véspera da Black Friday, lojas do Centro têm de celular a TV e até panelas com descontos

Às vésperas da Black Friday, as lojas já começam a anunciar as promoções e moradores de Campo Grande podem encontrar descontos de até 28% em produtos. O evento, inspirado na data americana, acontece no próximo nesta sexta-feira, 27 de novembro, e assim como na internet, as lojas físicas já apostam nas promoções para movimentar as […]

Mariane Chianezi Publicado em 26/11/2020, às 15h53 - Atualizado em 27/11/2020, às 07h56

Foto: Leonardo de França, Midiamax
Foto: Leonardo de França, Midiamax - Foto: Leonardo de França, Midiamax

Às vésperas da Black Friday, as lojas já começam a anunciar as promoções e moradores de Campo Grande podem encontrar descontos de até 28% em produtos. O evento, inspirado na data americana, acontece no próximo nesta sexta-feira, 27 de novembro, e assim como na internet, as lojas físicas já apostam nas promoções para movimentar as vendas.

Perivaldo Ferreira, de 39 anos,  é gerente de loja de departamentos disse que a expectativa é das melhores para a data. “A expectativa é muito boa, loja preparada vários produtos em oferta. Vai ajudar um final de mês com mais movimento”, disse.

O período de pandemia gerou impacto muito grande para os comerciantes e a data pode ajudar a dar um fôlego. Kety Mota, gerente de uma loja de roupas, disse que a expectativa é que as vendas cresçam 30% nesta Black Friday. “Vem no final de mês pra alavancar as vendas, creio que vai ajudar muito”, disse.

Daiana dos Santos, de 27 anos, disse que todo o comércio da região central espera conseguir lucros nesta sexta-feira. “É uma esperança que vai dar uma melhorar e aproveitar o tempo perdido desse ano”, afirmou.

Confira a lista de produtos que já podem ser comprados por promoção:

Calça jeans

  • De R$ 49,99
  • Por R$ 39,99

Short jeans

  • De R$ 50,00
  • Por R$ 39,99

Blusinhas

  • De R$ 35,00
  • Por R$ 25,00

Relógio em aço microfoleado marca Technos

  • De R$ 362,00
  • Por R$ 218,00

Relógio em aço marca Technos

  • De R$ 244,00
  • Por R$ 195,20

Aliança em ouro 18 quilates com acabamento liso – unidade

  • De R$ 1667,70
  • Por R$ 1584,32

Óculos de sol feminino Ray Ban

  • De R$ 620,00
  • Por R$ 372,00

Armação de óculos masculina Ray Ban

  • De R$ 350,00
  • Por R$ 210,00

Short feminino

  • De R$ 99,00
  • Por R$ 49,90

Vestido

  • De R$ 99,00
  • Por R$ 49,00

Jogo de panelas Tramontina 5 peças tampa de vidro, antiaderente

  • De R$ 249,99
  • Por R$ 149,99

Pipoqueira

  • De R$ 149,99
  • Por R$ 79,99

Faca para churrasco

  • De R$ 39,99
  • Por R$ 19,99

Aparelho de jantar 28 peças

  • De R$ 299,99
  • Por R$ 199,99

Colcha Piquet casal

  • De R$ 79,99
  • Por R$ 59,99

Tapete modelo belga 1,40 Por 2 metros

  • De R$ 299,99
  • Por R$ 199,99

Refrigerador Electrolux

  • De R$ 2699,00
  • Por R$ 1896,00

Lavadora Brastemp

  • De R$ 2099,00
  • Por R$ 1498,00

Samsung A01 core

  • De R$ 899,00
  • Por R$ 699,00

TV Semp TCL 50 polegadas 4k comando de voz

  • De R$ 2899,00
  • Por R$ 2199,00

‘QG’ do Procon no Centro

Procon-MS em parceria com o Procon municipal montaram uma base na Rua Barão do Rio Branco para poder notificar na hora as lojas flagradas descumprindo o Código de Defesa do Consumidor.

“O posto avançado pode facilitar a vida dos consumidores. Quando tivermos denúncias, vamos notificar o estabelecimento na hora”, informou o superintendente do Procon-MS, Marcelo Salomão.

Em Campo Grande, pesquisa da ACICG (Associação Comercial de Campo Grande) mostra que 85% dos empresários do comércio participarão da data. Os quatro shoppings da cidade também aderiram à Black Friday e terão lojas oferecendo descontos de até 70%.

A empolgação das pessoas para a data é tão grande que conforme a pesquisa da ACICG aponta que 34% da população de Campo Grande deve fazer compras e gastar, em média, R$ 956.

Como denunciar fraudes

O superintendente do Procon-MS, Marcelo Salomão, diz que a denúncia pode ser feita pelo meio virtual ou presencialmente na sede da superintendência do órgão, na Rua 13 de Junho, 930, Centro. O consumidor que preferir realizar a denúncia sem precisar se deslocar, tem outras opções.

As denúncias poderão ser encaminhadas por meio do ‘Faça aqui sua reclamação’, disponível no site do Procon, clicando aqui. Há também o aplicativo ‘MS Digital’ que possibilita que os internautas façam as denúncias ao Procon. A plataforma está disponível para Android e iOS.

Os consumidores que perceberem enganação nas promoções durante o período de Black Friday também podem denunciar por telefone no 151 (disque denúncia), (67) 3316-9800 ou (67) 99158-0088, que é WhatsApp.

“Pelo dobro da metade” na internet

As ofertas na internet durante a Black Friday também são o grande alvo dos consumidores, que estão ligados nos preços dos produtos. Caso o internauta perceba que o preço praticado não tem desconto nenhum e que tudo não passa de uma enganação, é possível denunciar a empresa suspeita de fraude.

Basta acessar a página ‘Consumidor’, disponibilizada pelo Governo Federal. Para denunciar propagandas enganosas na Black Friday, acesse a página inicial do site e clique sobre a barra de busca. Em seguida, insira o nome da empresa que deseja denunciar.

Selecione o resultado que aparecer e clique na opção “Registrar Reclamação”. Depois, o site irá exibir uma espécie de formulário na sua tela. Além de outros dados, você terá que responder se já procurou a empresa para solucionar o problema. O site também solicitará informações como o setor de atuação da loja, segmento e meio de aquisição do produto.

Caso o consumidor já tenha concluído a compra, deverá informar o número da nota fiscal, data, modelo e fabricante do produto. É preciso elaborar um texto detalhando o problema. Nesta etapa, você pode clicar na opção “Modelos de reclamação” para selecionar um texto pré-definido. Depois, descreva o que deseja obter a partir de sua reclamação. Aqui, também é possível obter textos pré-definidos, dessa vez clicando em “Modelos de pedido”.

Para  dar mais veracidade à sua denúncia, você ainda pode anexar arquivos, como prints do anúncio, nota fiscal e outros comprovantes. Feito tudo isso, clique em “Avançar”. Com isso, o site te encaminhará para uma página de login — caso não tenha cadastro, o processo rápido e muito prático. Por fim, clique duas vezes em “Confirmar”: a primeira vez para registrar seus dados e, a segunda, para enviar a denúncia. Ao fazer isso, você deve receber um e-mail de notificação em alguns minutos.

Jornal Midiamax